Via_Uno_Valente

Funcionários parados na fábrica de Valente | Foto: Notícias de Santaluz

Funcionários da fábrica de calçados Via Uno em Valente e Conceição do Coité iniciaram, na manhã desta segunda-feira (10), uma paralisação parcial dos serviços. Os empregados reivindicavam o pagamento de um acordo proposto pela empresa, referente a salários atrasados. Em contato com o Notícias de Santaluz, trabalhadores da filial de Valente informaram que a empresa havia dividido um salário atrasado em quatro pagamentos semanais, no entanto, segundo os funcionários, o acordo foi descumprido, e a empresa está em atraso há um mês e uma semana. Outra reclamação dos funcionários é o atraso nos depósitos do FGTS que, segundo os empregados, só foi depositado uma vez desde 2012 e o 13º salário de 2013, que a empresa teria dividido em seis parcelas.

via uno paralisada-1

Funcionários também paralisaram atividades em Coité | Foto: Raimundo Mascarenhas/Divulgação

Os funcionários prometem voltar às atividades apenas na quinta-feira (13), prazo que um representante da empresa pediu para tentar realizar o pagamento do salário que está em atraso. A Via Uno está, desde setembro de 2013, em recuperação judicial para tentar organizar seu alto endividamento. O processo foi protocolado no Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul (TJ-RS), estado onde a empresa foi fundada, há 22 anos. Entre os credores da empresa estão o Banco do Brasil e o Banrisul, além de fornecedores industriais, ex-franqueados e funcionários.

Redação Notícias de Santaluz