O vice-presidente de pessoa jurídica da Caixa Econômica Federal Geddel Vieira Lima comunicou na última terça-feira (18) à direção nacional do PMDB que será candidato ao governo da Bahia.  Segundo o Jornal o Estado de S. Paulo, o prefeito ACM Neto e seu partido, o DEM, apoiarão a candidatura de Geddel.  Comporão a coligação também o PSDB, PPS, PV e PTN. Recentemente, o peemedebista foi apontado por uma pesquisa do Instituto P&A como líder na corrida eleitoral, na hipótese em que ACM Neto não concorra ao cargo de governador.  Geddel lideraria com 23,2%, contra 13,1% de Lídice da Mata (PSB) e Walter Pinheiro viria em terceiro, com 9,5%. (Metro1)