Share Button
Foto: Marcos Corrêa/PR

Foto: Marcos Corrêa/PR

Em meio à turbulência internacional observada nesta segunda-feira (9), o ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou que o governo está sereno e que a melhor resposta à crise será o andamento de reformas estruturais. Segundo a Folhapress, ele não mencionou se medidas adicionais podem ser adotadas. O dia começou com um aprofundamento das tensões na economia mundial depois que, além da disseminação do novo coronavírus, foi aberta uma batalha comercial entre países produtores de petróleo. “Estamos absolutamente tranquilos e confiantes de que a democracia brasileira vai reagir transformando essa crise em avanço das reformas”, disse ao chegar no Ministério da Economia. “É hora de termos uma atitude construtiva. Os três poderes, com serenidade, cada um resolver sua parte. Não está na hora de ninguém pedir privilégio, pedir aumento, pedir facilidade”.