Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Um homem italiano jogou, na segunda-feira (24), a própria mãe pela janela do oitavo andar de um prédio da cidade de Conegliano, em Vêneto. Moreno Coletti, 36 anos, ligou para o resgate após atirar Paolina Saporosi, 65, da janela e esperou a Polícia chegar para detê-lo. Aos 110 anos, morre a sobrevivente mais idosa do holocausto. “Eu atirei a minha mãe da janela, foi minha culpa”, afirmou Coletti, que está preso sob acusação de homicídio doloso. Até o momento ele não falou o que o motivou a cometer o crime. As informações são do R7.