Share Button
Sidnei foi preso nesta segunda-feira em Serrinha e confessou ter matado mulher em Barrocas | Foto: Divulgação/Polícia Civil

Sidnei foi preso nesta segunda-feira em Serrinha e confessou ter matado mulher em Barrocas | Foto: Divulgação/Polícia Civil

Sidnei de Jesus Ramos, de 26 anos, foi preso pela Polícia Civil nesta segunda-feira (18), em Serrinha, região sisaleira da Bahia, acusado de matar Elielza Lima de Oliveira, de 38 anos, na cidade de Barrocas, na mesma região. O corpo da vítima foi encontrado na manhã de domingo (17) em uma propriedade rural às margens da estrada que dá acesso ao povoado Boa União. A mulher estava parcialmente nua e com a cabeça coberta com uma peça de roupa jeans, pedaços de ferro e blocos. Após ser localizado em um terreiro de candomblé no povoado de Fazenda Grande, em Serrinha, Sidnei prestou depoimento ao  titular da 15ª Coordenadoria Regional do Interior (Coorpin), delegado Mozart Cavalcanti, e confessou o crime. Segundo o delegado, o homem afirmou que ingeriu bebida alcoólica com Elielza e matou a vítima a pedradas após relação sexual, deixando o corpo ao lado de uma pocilga próximo a uma linha férrea. “Ele contou que não conhecia a mulher e que após beber com ela e terem relação sexual matou a vítima por causa de uma discussão banal”, informou o delegado Mozart Cavalcanti. Depois de prestar depoimento, Sidnei ficou à disposição da Justiça.

Notícias de Santaluz