PF-cumpre-mandado-de-prisao_Odebrecht0

Sueco teve mandado de prisão preventiva para extradição expedido pelo Supremo Tribunal Federal | Foto: Tânia Rêgo/ Agência Brasil/ Divulgação

Um estrangeiro sueco acusado de ter cometido um homicídio em seu país de origem, foi preso pela Polícia Federal em Barra Grande, distrito da cidade de Maraú, no baixo sul da Bahia, na tarde deste domingo (18). De acordo com a PF, a prisão ocorreu em cumprimento a um mandado de prisão preventiva para extradição, expedido pelo ministro Ricardo Lewandowski, ex-presidente do Supremo Tribunal Federal. O homem, que estava sendo procurado pelo governo da Suécia, o qual decretou sua prisão preventiva pela prática do crime de homicídio, foi encaminhado para o sistema prisional local, onde ficará à disposição do Supremo Tribunal Federal até que seja finalizado o processo de sua extradição.

Redação Notícias de Santaluz