Após intensas negociações, a novela chegou ao fim e o Flamengo já tem um novo treinador: Mano Menezes. O treinador volta à ativa após ser demitido da seleção brasileira, em novembro de 2012. Mano começa a trabalhar efetivamente na próxima segunda-feira, dia 17 de junho, quando o elenco rubro-negro volta de férias. A estreia será contra o Coritiba, dia 6 de julho, em local ainda a ser confirmado. O técnico assina até dezembro de 2014. O clube já anunciou o acerto em seu site oficial. 

“De Nação para a Nação. Ser técnico do CR Flamengo é meu novo grande trabalho. Um orgulho!”, escreveu o técnico em seu Twitter após o acerto. 

Aos 51 anos, o gaúcho de Passo do Sobrado é o treinador de renome que a diretoria desejava após uma experiência em técnico inexperiente, como Jorginho. Mano Menezes comandará o processo de reestruturação do futebol rubro-negro, tarefa semelhante à que desempenhou à frente de Grêmio, de 2005 a 2007, e Corinthians, de 2008 a 2010. A oportunidade de trabalhar no clube mais popular do Brasil seduziu o treinador. 

O primeiro encontro ocorreu no último domingo, em São Paulo. Mano se reuniu com o vice de futebol, Wallim Vasconcellos, o vice de marketing, Luiz Eduardo Baptista, e o vice de finanças, Rodrigo Tostes. O projeto foi apresentado e Mano gostou do que viu. Na segunda-feira, Mano confirmou ao programa Bola da Vez, da ESPN Brasil, ser “simpático” ao projeto rubro-negro. 

“O Flamengo é um grande clube do Brasil, passa por uma fase de reestruturação e gosto do conceito que estão tentando implantar. É exatamente isso que acredito. Existe uma simpatia inicial pelo projeto. O que vai acontecer nos próximos dias depende da possibilidade de fazer um bom trabalho. Porque técnico não é um sujeito milagroso. Precisa ter material humano para fazer trabalho. Mesmo num projeto mais longo, você tem que estar preparado para produzir resultado. Porque não existe projeto longo que sobreviva sem resultado”, disse Mano. (MSN)