Share Button

Por G1 BA

Foto: Divulgação/Abrasco

Um dos idealizadores do Sistema Único de Saúde (SUS), o médico sanitarista José Alberto Hermógenes morreu em Salvador em decorrência de uma síndrome respiratória aguda grave, por complicações da Covid-19. Ele tinha 76 anos.

José Alberto foi internado no Hospital da Bahia no dia 30 de junho. No dia 10 de agosto, ele foi transferido para uma clínica de cuidados paliativos. 

Ele foi um dos principais articuladores da Reforma Sanitária Brasileira, que originou o SUS. José Alberto coordenou o projeto de Comissão Nacional da Reforma Sanitária em 1987, que foi aprovado ainda na Assembleia Nacional Constituinte de 1988.

José Alberto também foi secretário de Saúde da Bahia e secretário-geral do Ministério da Saúde nas gestões dos ministros Roberto Santos e Jamil Haddad. Em 1993, ele chegou a ser ministro interino da Saúde.

O médico sanitarista também foi presidente da Fundação Serviços de Saúde Pública (FSESP) e da Bahiafarma, além de secretário de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos do Ministério da Saúde.

José Alberto foi vacinado contra a Covid-19 em fevereiro e tinha comorbidades que agravaram o estado de saúde dele, ao ser internado em junho. Não há detalhes sobre qual doença crônica o médico tinha. A Associação Brasileira de Saúde Coletiva (Abrasco) prestou homenagens ao médico.