1

Machado também foi apreendido com suspeito, mas a arma do crime foi um canivete, segundo a Polícia Civil. (Foto: Eduardo Knapp/Folhapress)

Uma mulher morreu após ser esfaqueada no pescoço dentro da Galeria do Rock, no Centro de São Paulo, por volta das 15h30 desta quarta-feira (11). De acordo com informações do 7º Batalhão da Polícia Militar, um suspeito do crime foi preso na região. Com o suspeito, foram apreendidos um machado e um canivete. De acordo com a Polícia Civil, o ferimento no pescoço foi causado pelo canivete. A polícia não encontrou documentos com a vítima. O crime aconteceu em um bar no interior da galeria. O caso será registrado no 3º Distrito Policial, de Campos Elíseos.

De acordo com Antônio de Souza Neto, de 58 anos, administrador da galeria, o assassinato foi passional. Segundo ele, o suspeito do crime e a vítima já se conheciam. “Essas cenas acontecem todo dia no estado de São Paulo. Infelizmente é o primeiro homicídio que aconteceu aqui dentro, depois de anos de existência da galeria”, disse. (G1)