carro_mariana

Carro em que Mariana estava ficou completamente destruído após colidir de frente com ônibus | Foto: Ubatã Notícias

Uma guarnição da Polícia Militar de Ubatã prendeu, na tarde desta segunda-feira (3), o ubatense Paulo Henrique Monteiro, de 24 anos, acusado de ameaçar a ex-mulher Mariana Souza Oliveira, de 20 anos, com quem tem um filho de apenas dois meses. Paulo Henrique continua preso e deverá ser enquadrado na Lei Maria da Penha. O detalhe curioso é que Mariana, após ter comparecido ao Complexo Policial de Ubatã para depor contra o ex-companheiro, acabou morrendo, cerca de três horas depois, num grave acidente na BR-330 ainda na segunda-feira, próximo a Usina de Funil. Mariana estava num veículo Gol que colidiu frontalmente num ônibus da empresa Cidade Sol que fazia a linha Jequié-Ilhéus. Também morreu no acidente, o condutor do veículo de passeio Léo de Jaime. As duas vítimas foram sepultadas nesta terça-feira (04), em Ubatã. Informações do Ubatã Notícias.