WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Home . Inicio



Max Santa Luzia

Laboratório Checap

Adrivana Cunha - Hospital de Olhos

Império Store

Drogaria Santana

Músicos lutam pela reativação da Filarmônica Recreio Clube de Queimadas

97ba926b-b953-4110-8225-94882929adce

Grupo alega que sede da filarmônica está abandonado há mais de seis anos e tenta recuperar imóvel | Foto: Notícias de Santaluz

Na manhã desta sexta feira (29), músicos da Filarmônica Recreio Clube de Queimadas Dioney, Eduardo José, André Luis, Márcio Barreto e o sócio Oscar Barbosa compareceram a sede da entidade, que fica situada na Avenida Itapicuru, com o principal objetivo de participarem de uma reunião com o presidente da entidade, que não compareceu causando transtornos aos mesmos. O grupo afirma que o intuito do encontro é reativar a Filarmônica e promover reforma em sua sede, que se encontra em total abandono há mais de seis anos, de acordo com o grupo. Eles alegam que tentaram, por várias vezes, se reunir com o pretenso presidente da entidade, e que ele sempre confirma sua presença, mas nunca comparece aos encontros. “Nós, músicos, estamos contando com o apoio do Conselho Municipal da Cultura, músicos locais, da sociedade civil e do Ministério Público Estadual. Nosso primeiro passo é avaliar toda a estrutura física do imóvel e os equipamentos que se encontram abandonados. Almejamos abrir uma escola de músicas para formação de novos talentos no município esse é nosso objetivo em resgatar a entidade”, declara Eduardo. Nos próximos dias, o grupo deverá se reunir com a promotoria de Justiça para adotar as providências cabíveis. A reportagem tentou entrar em contato com a atual diretoria da filarmônica, mas não obteve êxito até a publicação desta matéria.

Redação Notícias de Santaluz

3 respostas para “Músicos lutam pela reativação da Filarmônica Recreio Clube de Queimadas”

  • JOSE PLINIO DE OLIVEIRA disse:

    POVO DE QUEIMADAS, COMUNIDADE ARTÍSTICA DE QUEIMADAS, LUTEM POR ESSA GRANDE CONQUISTA HISTÓRICA. Essa Filarmônica tem uma história relevante neste contexto artístico e cultural. Vocês sabem, e não podem esquecer que entre a plêiade de grandes músicos formados por essa Escola Musical de Queimadas está a figura monumental do Maestro Diocleciano de Souza Viana, mais conhecido como Maestro Vianinha que radicou-se em São José do Rio Preto em São Paulo onde a sua memória é muito respeitada; inclusive é nome de Rua lá; não sei se é em sua terra natal Queimadas, ele é autor do Hino Oficial daquele município paulista. Com a idade avançada, mudou-se para Santos onde veio a falecer na casa de uma filha. VIVA DIOCLECIANO DE SOUZA VIANA!!!

    José Plínio de Oliveira

  • Ray Lopes disse:

    Lamentável a atitude daquele que se intitula presidente da Sociedade Receio. Mas isso aí não desistam, estamos sempre à disposição e torcendo q tudo venha a dá certo.

  • JaiiZêro disse:

    As coisas precisam se resolver o quanto antes, as próximas gerações merecem conhecer a história dessa filarmónica centenária. Nem todos dão o devido valor, mas aqueles que conseguem enxergar a preciosidade que é, sabem que parte da alma queimadense está nela.

Deixe seu comentário



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia