Share Button

Fotos: Haeckel Dias/Polícia Civil

A Polícia Civil deflagrou, na manhã desta quarta-feira (24), em Salvador, uma operação contra fraudes envolvendo o Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran), por meio da Escola Pública de Trânsito (Eptran) e uma fundação de direito privado sediada na capital baiana. A ação visa cumprir mandados de busca e apreensão em empresas privadas, em duas fundações de direito privado e na própria sede do Detran. De acordo com informações da polícia, a investigação aponta ilegalidades nas licitações e na execução de contratos que geraram prejuízo estimado de R$ 19 milhões aos cofres públicos. Há ainda indícios de lavagem de dinheiro. Além disso, a apuração da Polícia Civil revelou que ex-dirigentes do Detran e outros agentes públicos ligados ao órgão participavam do esquema criminoso. A operação, batizada de Mão Dupla, é comandada pela Coordenação de Combate à Corrupção e Lavagem de Dinheiro, da Polícia Civil, e conta com a participação de cerca de 70 agentes.

Notícias de Santaluz