imagem_noticia_5-3

Foto: Renato Araújo / ABr

A Polícia Federal pediu ao juiz Sergio Moro que seja convertia a prisão temporária de Antônio Palocci para prisão preventiva. A informação é da BandNews FM. O ex-ministro dos governos Lula e Dilma Rousseff (PT) está preso desde a última segunda-feira (26), em decorrência da 35ª fase da Operação Lava Jato. O mandado era de prisão temporária, com validade de cinco dias. Se Moro determinar a conversão da prisão, Palocci não terá prazo para sair.