O norte-americano Chris Weidman não se intimidou com a hegemonia de Anderson Silva e tomou o cinturão do brasileiro na luta principal do UFC 162, evento realizado, neste sábado (07), em Las Vegas. Assim que o Spider foi ao solo, várias notícias sobre um resultado combinado no duelo surgiram, fato que irritou o presidente do UFC Dana White. Porém, desta vez, o site norte-americano “Middle Easy”, noticiou que uma aposta de  de US$ 1 milhão,cerca de R$ 2,2 milhões, foi feita em favor do atleta norte-americano. Segundo a publicação, o fato já estaria sendo investigada pela polícia e pelo Gaming Control Board, órgão que regula as apostas em cassinos de Las Vegas. Apesar da notícia, as investigações correm em segredo justiça e os detalhes não podem ser revelados publicamente. Caso não seja comprovada nenhuma irregularidade, o apostador receberá a quantia de  US$ 3,2 milhões, R$ 7 milhões, aproximadamente. (Super Lutas)