IMG-20150719-WA0024

Montagem: Notícias de Santaluz

Cerca de 180 policiais militares e guardas civis municipais – quase 70 agentes por dia – vão atuar durante o Santaluz Folia, festa em comemoração aos 81 anos de emancipação político-administrativa de Santaluz que ocorre entre esta sexta-feira (15) e domingo (17). Além disso, a segurança será reforçada nos bairros da cidade e no entorno do circuito da festa, com unidades móveis (viaturas) das duas corporações fazendo patrulhamento em pontos estratégicos. Os agentes da PM e da Guarda Municipal atuarão em postos elevados de observação e em patrulhas distribuídas ao longo do trajeto. A Polícia Civil também trabalhará na festa.

O reforço da Polícia Militar inclui ainda equipes da Companhia de Emprego Tático Operacional (Ceto) do Décimo Sexto Batalhão, da Companhia de Ações Especiais do Litoral Norte (Cael) e da Polícia Rodoviária Estadual, que trabalhará nas vias de acesso à festa. O capitão Evódio Oliveira, comandante da 5ª Companhia da PM, sediada em Santaluz, dá dicas para que as pessoas curtam a festa em paz. “A nossa expectativa é de que a festa transcorra em um ambiente de paz e tranquilidade, e estamos fazendo o possível para que o folião aproveite ao máximo o evento. Contudo, orientamos as pessoas que venham brincar em paz, com o espírito desarmado, sem objetos ou armas que possam causar danos a outras pessoas. E também orientamos aos foliões que não utilizem garrafas de vidro, dando preferência às bebidas enlatadas, além de evitar trazer carteira para a festa. Tragam apenas um documento de identificação, com foto, e dinheiro suficiente para gastar durante a festa. No mais, rogamos à padroeira desta cidade, Santa Luzia, para que tudo transcorra em paz e que o folião possa aproveitar os festejos em clima de tranquilidade”, disse o oficial.

A Guarda Municipal, por sua vez, além de atuar no circuito da festa, apoiará as operações de trânsito, a exemplo dos fechamentos de ruas e manterá a segurança nos postos localizados em diversos pontos do município, protegendo o patrimônio público. “Com o planejamento feito, pretendemos proporcionar a quem vai participar dos festejos um ambiente pacífico e seguro, mas sem deixar de lado a proteção do patrimônio público. Trabalharemos de maneira integrada com as outras forças de segurança para evitar e coibir qualquer tipo de crime”, afirmou o diretor-comandante da GCM Santaluz, Jacson Araújo Lima.

Redação Notícias de Santaluz