WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Home . Inicio



Max Santa Luzia

Laboratório Checap

Adrivana Cunha - Hospital de Olhos

Império Store

Drogaria Santana

Povo do semiárido tem que reagir ao “golpe” e lutar por seus direitos, diz deputada Fátima Nunes durante ato em Santaluz

fatimanunes

Foto: Notícias de Santaluz

Durante o ato em defesa da política de Convivência com o Semiárido realizado na manhã deste sábado (18) [ver], em Santaluz, a deputada estadual Fátima Nunes (PT) afirmou que a principal motivação do “golpe”, por meio de processo de impeachment, é retirar direitos da classe trabalhadora. “Hoje é um dia vitorioso, porque os movimentos sociais receberam o apoio da população. Estamos vivendo um momento em que deputados, senadores e até alguns indiciados e réus em processo por corrupção tomam de assalto o poder da República, afastam uma presidente eleita democraticamente por 54,5 milhões de votos e se instalam no poder com o único objetivo de retirar direitos da classe trabalhadora e entregar as nossas riquezas para os capitais internacionais. É isso que fica claro todo dia. Portanto, não tem outra forma para a classe trabalhadora, para a sociedade do sertão, a não ser todos os dias convocar a população para que esta fique informada e una suas forças sociais e políticas, para dizer não ao golpe, fora Temer, fora Cunha, volta presidente Dilma, pois queremos mais ações políticas, mais políticas públicas em favor do nosso povo. Por isso, é muito importante a mobilização das forças sociais”, afirmou a deputada. “Também nas eleições municipais que vem agora, a gente tem que ter muita atenção, para eleger em todo o estado prefeitos e vereadores dos partidos que compõem a base aliada do governador Rui e da presidente Dilma. Não ao PMDB, não ao PSDB e não ao DEM, porque são eles os verdadeiros causadores dessa tragédia com a democracia brasileira nesse momento”, concluiu a deputada. O evento foi organizado pelo Movimento de Organização Comunitária (MOC) e reuniu cerca de 600 pessoas no Auditório Lindaura Carneiro de Araújo (Cenos).

Redação Notícias de Santaluz

3 respostas para “Povo do semiárido tem que reagir ao “golpe” e lutar por seus direitos, diz deputada Fátima Nunes durante ato em Santaluz”

  • Antonio Souza disse:

    Escola sendo usada para campanha politica partidaria. PARABÉNS PT LUZENSE. Realmente vcs são exemplos!

  • Guildo Santana Lopes disse:

    Eu tenho pena de nós trabalhadores sendo usado como massa de manobra por quem tá no poder e quem quer o poder, pois direitos são tirado a todo momento, quem aprovou os 95 pontos para aposentadoria? Quem mexeu no seguro desemprego? A quanto anos criticaram a indústria da seca e votos (carros pipas) mudaram isso? As privatizações de estradas etc.A população precisa saber quantos políticos foram indiciados por corrupção no Brasil e de quais partidos eles fazem parte. Eu sei como quem tava no poder respeita direitos dos outros.

  • Carlos Barcelar Lima disse:

    Essa é a cara comunista de Santaluz. Utilizam de projetos sociais para impor suas ideologias “vermelhas”. Partido desorganizado e falso moralista esse PT Luzense. Se fosse outro grupo politico usando de instituição de ensino para defender partido, estava esse mesmo PT critica ndo. Escola é lugar de educação e não de partidarismo. #ForaPT #ForaDilma # ForaRobson #ForaRoquinho # ForaZeAmilton #ForaZePaulo

Deixe seu comentário



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia