Share Button

Foto: Notícias de Santaluz

Em um novo decreto assinado pelo prefeito Arismário Barbosa e publicado na tarde desta sexta-feira (19) a Prefeitura de Santaluz liberou abertura de bares e comércios considerados não essenciais aos sábados na cidade, das 5h até às 12h. 

“Fica permitida a comercialização de bebidas alcoólicas em estabelecimentos comerciais […] aos sábados, nos horários das 5h às 12h”, diz um trecho do documento.

Clique aqui e confira o decreto na íntegra

A gestão também alterou o horário de funcionamento dos estabelecimentos durante a semana. Até então, o horário máximo permitido era 17h. A partir de hoje, os comércios não essenciais podem funcionar até às 18h, de segunda a sexta-feira.

Estabelecimentos que comercializam alimentos, a exemplo de restaurantes, lanchonetes, quiosques e sorveterias podem funcionar até às 22h, sendo que a partir das 18h somente por entrega em domicílio ou retirada de produtos pelos clientes.

Outro setor que tem atividades liberadas pelo novo decreto são as academias, quadras, ginásios, centros desportivos, esportes coletivos e clubes sociais.

Além disso, o limite de ocupação de igrejas, templos religiosos e similares aumentou de 50 para 100 pessoas, conforme o novo decreto. Para espaços com tamanho menor do que cem metros quadrados, a limitação é de uma pessoa para cada dois metros quadrados.

Seguindo decreto estadual, o toque de recolher vigente na cidade passa a valer das 22h às 5h.

As medidas são válidas por sete dias a partir desta sexta-feira.

Cidade tem 213 casos ativos e dois óbitos sendo investigados

Até a noite de quinta-feira (18), Santaluz totalizava 1.926 casos positivos de Covid-19 e tinha 213 pacientes com o vírus ativos. O número de mortes por complicações da doença é 24, mas a cidade investiga dois óbitos suspeitos.

Notícias de Santaluz