Share Button

Foto: Reprodução/BNews

O presidente do PT, Éden Valadares comentou que o Brasil enfrenta “uma crise econômica e não tem perspectiva de vacinar a sua população” e enquanto isso, o presidente do Democratas, o ex-prefeito de Salvador, ACM Neto negocia cargos com o governo Jair Bolsonaro (sem partido). “Uma hora ele diz que pode apoiar Bolsonaro, outra hora ele muda de ideia. Num momento, indica para ministro o seu ex-chefe de gabinete, João Roma, noutro momento afirma que vai para oposição. Acho que ele estará sempre querendo uma boquinha e o presidente Bolsonaro sabe bem como administrar isso”, afirmou o petista, segundo o Bahia Notícias. Éden disse também que o PT “tem coerência e sempre será oposição a este desgoverno”. “O DEM tem como vice-lider do presidente Bolsonaro, o deputado Paulo Azi”, acrescentou.