IMAGEM_NOTICIA_5

O professor Hérmeson Novaes Eloi, diretor da Escola Estadual ACM, do município de Santa Inês, no sudoeste da Bahia, foi alvo de uma tentativa de homicídio, na madrugada deste domingo (7).

O deputado estadual Marcelino Galo (PT), que relatou o caso à Secretaria de Segurança Pública (SSP), informou que vários disparos foram realizados contra a casa do docente, localizada na região central da cidade. De acordo com o boletim de ocorrência, registrado na Delegacia Territorial local, os tiros atingiram a janela de um dos quartos do imóvel.

O professor, que não estava em casa no momento do crime, disse à polícia que, após colher informações com vizinhos, passou a suspeitar de três alunos do colégio onde trabalha, supostamente envolvidos com tráfico de drogas. Segundo Hérmeson, esta é a segunda vez em menos de três meses que atentam contra a sua vida.

“O primeiro atentado foi no dia 11 de junho. Dispararam tiros na janela da sala da minha casa. Eu estava fora da cidade por alguns dias e deixei uma pessoa tomando conta da residência”, contou. O petista, que acompanha o caso, solicitou ao subsecretário de Segurança Pública da Bahia, Ary Pereira de Oliveira, a celeridade nas investigações e proteção policial para a vítima. (Brumado Urgente)