Share Button
Apenas a tela do aplicativo pode ser aberta durante a avaliação | Foto: Reprodução/ TV Santa Cruz

Apenas a tela do aplicativo pode ser aberta durante a avaliação | Foto: Reprodução/ TV Santa Cruz

Um professor do curso de direito da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), em Ilhéus, município na região sul da Bahia, inovou ao utilizar um aplicativo de conversa no celular para aplicar uma prova. De acordo com o G1, a ideia fez sucesso entre os alunos, que aprovaram a medida tomada pelo docente. A prova segue algumas regras. O celular deve ficar em modo silencioso, é proibida a comunicação e consulta entre os alunos e o aparelho só pode estar com a tela do aplicativo aberta. O professor envia as perguntas e os alunos têm entre dois e quatro minutos para responder cada questão. Caso algum aluno queira mudar a resposta, ele pode reenviar a mensagem, desde que esteja dentro do tempo estipulado. O professor recebe todas as respostas e acompanha a prova a partir do aplicativo instalado no computador. A novidade partiu do professor José Cairo Júnior, que explica o objetivo da avaliação. “Para incentivar os alunos mesmo a estudar mais e fazer avaliação nesse sentido. A própria lei já prevê que os atos processuais possam ser praticados por meios eletrônicos”, conta o professor. Os alunos que passaram pela experiência de fazer a prova virtual, pelo celular, gostaram. “Na verdade, eu até estudo pelo celular, então já estou habituada. Eu não gosto muito de escrever, então digitar é muito melhor”, disse uma das estudantes ao G1.