Cp6NgexWgAA7Xki

Poliana Okimoto no pódio |Foto: Reprodução/ Twitter

Mesmo tendo sido a quarta a cruzar a linha de chegada, a brasileira Poliana Okimoto levou medalha de bronze nas maratonas aquáticas do Rio 2016. A brasileira foi beneficiada pela desclassificação da francesa Aurelie Muller, que terminou em terceiro lugar, mas foi punida por inibir a chegada da segunda colocada, a italiana Rachele Bruni. O ouro foi para Sharon Van Rouwendall, dos Países Baixos. Após ser informada do resultado, Poliana teve de segurar o choro para falar com a imprensa. “Depois de Londres, não imaginava que estaria nadando ainda melhor hoje”, desabafou a atleta. Nos últimos Jogos, ela era uma das favoritas, mas abandonou a prova após uma crise de hipotermia na penúltima volta. Desta vez, o famoso mar carioca serviu de palco para que ela brilhasse. “Mais uma vez, me chamaram de velha. Mais uma vez, me desacreditaram. Mais uma vez, eu dei a volta por cima”, resumiu a atleta.