Do G1 MG
00fundao1

Lama vazou dentro de área de barragens da Samarco em Mariana | Foto: Reprodução/TV Globo

A mineradora Samarco informou que aconteceu um deslocamento de ‘massa residual’, ou lama, na tarde desta quarta-feira (27) na barragem de Fundão, em Mariana, na Região Central de Minas Gerais. De acordo com a assessoria de imprensa da mineradora, cujos donos são a Vale e a BHP Billiton, os funcionários foram retirados da área. A mineradora também informou que a ocorrência aconteceu dentro da área das barragens, entre Fundão e Santarém, e não houve vazamento externo. Ninguém ficou ferido. A Defesa Civil e a Prefeitura de Mariana disseram ter tomado conhecimento do deslocamento, mas nenhum deles foi ao local. O Ministério Público enviou uma equipe à Samarco para verificar a ocorrência. O deslocamento de lama ocorreu, conforme a mineradora, por causa das chuvas dos últimos dias. Na última semana choveu muito na cidade, mas segundo a assessoria da Prefeitura, não chove nesta quarta-feira na cidade. O governo de Minas, por meio de nota, comunicou que equipes da Defesa Civil estadual e da Polícia Militar também foram enviadas ao local. De acordo com o executivo, a ocorrência foi registrada por volta das 12h. Representantes do Núcleo de Emergências Ambientais (NEA) da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad) foram deslocados para o local e vão fazer uma avaliação ambiental da ocorrência. Segundo a Samarco, as estruturas das barragens de Germano e Santarém permanecem estáveis com base no continuo monitoramento.