Morreu nesta quinta-feira (20), no Hospital Geral do Estado – HGE, em Salvador, o taxista Antonio Cordeiro de Almeida, 69 anos, conhecido como Cordeiro do Táxi. Cordeiro passou quatro dias internado em estado grave, devido a um acidente ocorrido no último domingo (16), na BA-120, próximo a balança, em Santaluz.

O veículo Fiat Uno, placa policial JPJ-4382, licença de Santaluz, dirigido por Cordeiro, colidiu de frente com um veículo Pálio, cor prata, placa policial JNQ-9749, licença de Salvador, conduzido por Robenildo de Jesus Ferreira, 32 anos, residente no município de Valente. Robenildo teve ferimentos leves e foi conduzido para o Hospital Municipal Petronilho Evangelista dos Santos, já Cordeiro, devido à gravidade do seu estado de saúde, foi transferido para o HGE, onde veio ao óbito.

Cordeiro era natural de Coité, da região do Distrito de Salgadália, embora residisse em Santaluz há vários anos. O sepultamento aconteceu nesta sexta-feira (21), às 16h, em Santaluz.

Segundo o delegado Renato Miranda, Robenildo será autuado por lesão corporal seguido de morte e se apresentará na delegacia de Santaluz, na próxima terça-feira (26), onde ficará à disposição da Justiça.

Redação Notícias de Santaluz – Com informações do Blitz Notícias