O programa Mais Médicos para o Brasil encerrou, à meia-noite desta quinta-feira (25), seu primeiro mês de inscrições. Segundo o Ministério da Saúde, 3.511 municípios, que equivalem a 63% do total de prefeituras no Brasil e a 92% das consideradas prioritárias, aderiram ao programa. Juntas, estas cidades apontaram a necessidade de 15.460 médicos para atuar na atenção básica.

Santaluz está entre as 264 cidades baianas que foram identificadas pelo Ministério da Saúde como prioritárias para receber os profissionais que serão pagos pelo governo federal. Mas, de acordo com a lista divulgada pelo MS, nesta sexta-feira (26), o município não aderiu ao programa.

Sobre o programa 

Lançado pela Presidente da República, Dilma Rousseff, no dia 8 de julho, o Mais Médicos faz parte de um amplo pacto de melhoria do atendimento aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS), com objetivo de acelerar os investimentos em infraestrutura nos hospitais e unidades de saúde e ampliar o número de médicos nas regiões carentes do país, como os municípios do interior e as periferias das grandes cidades.

O segundo mês de adesão ao programa terá início no dia 15 de agosto.

Redação Notícias de Santaluz

Lista dos municípios baianos que aderiram ao programa (primeiro ciclo)