DSC00430

Segundo a PM, madeira apreendida não possui Documento de Origem Florestal | Foto: Notícias de Santaluz

Após denúncia, policiais do 4º Pelotão da Polícia Militar apreenderam, na manhã desta sexta-feira (22), por volta das 11h, um caminhão Mercedes Benz MB-1313, cor azul, placa BXJ-7243, licença de Santaluz, transportando madeira sob suspeita de origem ilegal. A apreensão ocorreu na região do “sangrador”, próximo ao Açude Tapera. Durante a ação os policiais conduziram à Delegacia de Polícia de Santaluz, Alderino Carneiro de Oliveira Filho, de 51 anos. Segundo informações da Polícia Militar, ele não possuía o Documento de Origem Florestal (DOF), que é obrigatório para verificação da origem da madeira. Os policias flagraram o momento em que a madeira ainda estava sendo extraída, segundo informou a PM. Alderino Carneiro está detido na delegacia, onde presta esclarecimentos ao delegado Renato Miranda, que deverá lavrar um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e encaminhar o caso ao Ministério Público. Alderino deve responder em liberdade.

SEGUNDO CASO EM 15 DIAS

Em 15 dias este é o segundo caso de apreensão de madeira irregular em Santaluz. No dia 07 de novembro, uma ação conjunta realizada entre o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia da Bahia (CREA-BA) e a Polícia Rodoviária Estadual (PRE) prendeu dois homens e apreendeu um caminhão, no Posto de Fiscalização e Balança da PRE, na BA-120, trecho Santaluz/Valente. 

Redação Notícias de Santaluz