DSC05336

A sessão ordinária desta segunda-feira (26) na Câmara Municipal de Santaluz foi marcada pela retirada de pauta do Projeto de Lei 1.406/2013, que autoriza a Prefeitura Municipal a fazer Abertura de Crédito Suplementar. O impasse teve início quando os vereadores João Pereira (PMDB), Presidente da COMISSÃO DE OBRAS E SERVIÇOS PÚBLICOS e Paulo Crespo (PMDB), Secretário da COMISSÃO DE EDUCAÇÃO, SAÚDE E ASSISTÊNCIA SOCIAL não emitiram o parecer e ameaçaram pedir vistas, caso o Projeto não fosse retirado de pauta. Em seguida os vereadores tiveram o apoio dos outros colegas que compõem a bancada de oposição, e acusaram o Secretário de Finanças do município de se omitir a prestar esclarecimentos concernentes ao Projeto.

Após discussão foi convocada uma sessão extraordinária  para esta quarta-feira (28), às 8h, e os vereadores condicionaram a votação do projeto a realização de uma reunião entre o Secretário de Finanças e os membros das comissões, que deverá acontecer nesta terça-feira (27).

Em tempo, o Projeto de Lei nº 1.406/2013 deverá ser votado até, no máximo, o dia 30 de agosto.

Redação Notícias de Santaluz