IMAGEM_NOTICIA_5 (1)

Procuradoria pediu a prisão de Sarney | Foto: Agência Senado

O ex-presidente da República José Sarney é descrito por procuradores como o “capo de tutti capi” ou “chefe de todos os chefes” do PMDB. De acordo com a coluna Radar Online, de Veja, a descrição consta na justificativa do pedido de prisão domiciliar de Sarney feita pelo Ministério Público Federal. Os procuradores dizem que nada acontecia no esquema de propina para o partido sem que Sarney desse o aval. Sarney também motivou um pedido de prisão de autoria da Procuradoria-Geral da República ao Supremo Tribunal Federal (STF), juntamente com o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), e o senador Romero Jucá (PMDB-RR).