d4bb1ea9-bdc2-428d-8f48-6df312f8140d

Foto: Divulgação/PM

Policiais Militares da Companhia de Emprego Tático Operacional (Ceto) do 16º Batalhão prenderam, na noite deste sábado (9), em Serrinha, os suspeitos de praticar o assalto que deixou o soldado André Luiz Morais de Oliveira gravemente ferido depois de ser atingido com um tiro no tórax. O militar foi socorrido e encaminhado para um hospital da cidade de Feira de Santana, onde permanecia internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) até a tarde deste sábado, após ser submetido a uma cirurgia. De acordo com a PM, um boletim divulgado pela unidade de saúde atesta que o tiro também atingiu o pulmão direito do soldado e teria causado uma lesão no fígado. Conforme a corporação, o soldado está consciente. Ainda de acordo com informações da PM, Gabriel Silva Cerqueira, de 18 anos, Romário Miranda Santana, 22, e Rodcley Santos Lima, 19, suspeitos de cometer o crime, foram presos no bairro da Rodagem, após denúncia anônima. Com os suspeitos foram encontrados um revólver calibre 32 e outro calibre 22, além de munições, certa quantidade de maconha, cocaína, dois aparelhos celulares e a quantia de R$ 24. Em seguida, o trio foi encaminhado juntamente com o material apreendido para a delegacia da cidade. De acordo com a polícia, eles são suspeitos de realizar vários assaltos em Serrinha e região nos últimos meses.

Redação Notícias de Santaluz