Em reivindicação por melhores condições de atuação, salários e benefícios, os trabalhadores eletricitários do Sistema Eletrobras realizam nesta segunda-feira (17), uma paralisação de 24h. “Os eletricitários sempre buscaram o diálogo e o entendimento para o fechamento dos Acordos Coletivos de Trabalho, mas nos últimos anos tem enfrentado o descaso da direção do Sistema Eletrobras e do Governo Dilma, que além de não terem respondido a pauta da categoria, tem trabalhado para retirar direitos históricos dos trabalhadores”, declarou a categoria em nota. O Sinergia acusa ainda a presidente Dilma Rousseff (PT) de não dar continuidade ao “projeto do Governo Lula”, que, segundo a entidade, seria de transformar a companhia na “Petrobras do setor elétrico”. Mesmo com a paralisação, o serviço de fornecimento de energia não deve sofrer nenhuma interrupção. No entanto, os trabalhadores advertem que, se não forem ouvidos pelo governo federal, podem deflagrar greve por tempo indeterminado. (Bahia Notícias)