7716951ede

Foto: Divulgação

O Supremo Tribunal Federal (STF) informou que decidirá se é constitucional a proibição de alguns tipos de tatuagens em concorrentes de concursos públicos, que consta em alguns editais de convocação. De acordo com a coluna Cartão de Ponto, do Correio24h, a questão será analisada depois que  um candidato ao cargo de soldado da Polícia Militar de São Paulo foi desclassificado por ter tatuagem e entrou com processo na Justiça. O julgamento  do STF, que não tem prazo para começar,  terá  interferência em todos os concursos do país.