Chp5EOaXEAADd6B

Carlos agradece aos céus pelo gol que ajudou o Atlético a se classificar para a próxima fase da Libertadores | Foto: Fernando Martins/Reprodução/Twitter

Em jogo dramático na noite desta quarta-feira (4), na Arena Independência, em Belo Horizonte, o Atlético-MG venceu o Racing (ARG) por 2 a 1 e avançou para as quartas de final da Copa Libertadores da América. ‘Surpresa’ do técnico Diego Aguirre para iniciar o jogo, o atacante Carlos abriu o placar para o Atlético aos 16 minutos primeiro tempo. Titular pela primeira vez esse ano, o jogador luzense voltou a provar que, nos grandes jogos, não costuma se esconder. “O professor [Aguirre] conversou comigo, e eu estava esperando jogar. Entrei confiante de que tinha algo bom para mim”, revelou o atacante natural de Santaluz. O time argentino empatou ainda na etapa inicial, aos 21 minutos, de pênalti, com Lisandro López. No segundo tempo, Lucas Pratto marcou o gol da classificação atleticana, aos 26. O atacante ainda desperdiçou uma cobrança de pênalti aos 35 minutos. Mesmo assim, o Atlético se defendeu bem e garantiu a classificação para as quartas de final da Libertadores, fase em que enfrentará o São Paulo. O Galo volta a campo no domingo para decidir o Campeonato Mineiro com o América, às 16h, no Mineirão.

Redação Notícias de Santaluz