LM_cerimonia-posse-nova-presidencia-PC-do-B-Luciana-Santos_010720150008

Foto: Lula Marques/ Agência PT

O presidente interino da República Michel Temer teria aconselhado o presidente afastado da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha (PMDB-RJ) a renunciar ao cargo. Segundo o jornal O Globo, a conversa entre os peemedebistas teria ocorrido no domingo (3). De acordo com a publicação, Cunha teria sinalizado temores com relação às investigações da Operação Lava Jato, que mira sua esposa, Cláudia Cruz, e a filha, Danielle. Um dos receios do político é que as duas possam ser presas caso ele perca o cargo. Cunha responde a processo iniciado no Conselho de Ética sob a acusação de ter mentido à CPI da Petrobras quando disse não possuir contas bancárias no exterior. Posteriormente, documentos dos Ministério Públicos da Suíça e do Brasil apontaram contas em nome do deputado e de familiares no exterior. Cunha nega irregularidades e alega que os recursos não foram mantidos em contas bancárias, mas em trustes.