Desde o dia 1º de junho o Tribunal Regional Eleitoral da Bahia está convocando todos os eleitores para fazer o recadastramento biométrico que objetiva mais segurança à identificação do eleitor no momento da votação. Serão coletadas a assinatura eletrônica, foto e impressões digitais em postos de atendimento dos municípios baianos até novembro.

Vale lembrar, que o recadastramento é obrigatório e quem não o fizer, terá o título cancelado. Para recadastrar, o eleitor deve ir ao Posto de Atendimento de sua cidade, levando um documento oficial de identificação com foto e comprovante de residência.

No dia da eleição, os votantes recadastrados utilizarão as digitais dos dedos para se identificarem no terminal da urna eletrônica, não sendo mais necessário assinar o caderno de votação.

O recadastramento, este ano, inclui 37 municípios baianos de 15 zonas eleitorais, totalizando quase 700 mil eleitores, ou seja, cerca de 7% do eleitorado do estado. Nesta primeira etapa, Salvador ainda não está inclusa. (Bocão News)