1

Domingos, de 55 anos, foi preso no povoado de Serra da Canabrava, onde ele cometeu o abuso | Foto: Umbuzada

Um pintor acusado de estuprar a neta e a sobrinha de 7 e 5 anos, respectivamente, foi preso preventivamente, nesta terça-feira (19), por investigadores da Delegacia Territorial (DT) de Uauá, município localizado a 440 km de Salvador. De acordo com a Polícia Civil, Domingos do Carmo Gonçalves, de 55 anos, foi preso no povoado de de Serra da Canabrava, onde ele cometeu o abuso. O caso aconteceu em outubro deste ano. As meninas moravam com os pais na cidade de Juazeiro, mas foram passar alguns dias na casa de Domingos e de sua mulher. O pintor teria se aproveitado de um momento em que estava apenas com as crianças em casa para cometer o crime. Ainda segundo a Polícia Civil, as meninas se queixaram de dores na região das genitálias ao voltar para casa. Ao serem pressionadas pelos pais, elas relataram o que Domingos tinha feito com elas. Um exame de corpo delito comprovou o estupro. Domingos está custodiado na carceragem da DT/Uauá, à disposição da Justiça. (Correio)