O governador Jaques Wagner (PT), que está no Japão em busca de investimentos para a Bahia, comentou, a idéia de ter uma mulher como vice na chapa do chefe da Casa Civil, Rui Costa (PT).  ”Acho uma ideia simpática, mas claro que não é obrigatória”, disse durante entrevista à rádio Metrópole, na manhã desta quarta-feira (22). Wagner também comentou a disputa aberta entre o deputado federal Mário Negromonte (PP) e o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Marcelo Nilo (PDT) sobre a possibilidade de ocupar a vaga de vice. “Todo mundo tem que entender, depois do Carnaval podemos chegar a um denominador comum, todo mundo está comprometido com essa chapa nossa, eu já abri mão de uma candidatura para facilitar a composição da base. A relação está boa, mas um dos dois não ficará satisfeito”, explicou.