Em entrevista ao jornal A Tarde desta quinta-feira, o governador Jaques Wagner defendeu a ação da Polícia Militar durante a manifestação dos estudantes da FTC, que tentaram bloquear a Avenida Paralela na terça-feira.

Ao ser perguntado se houve excesso na ação da tropa de choque, o governador afirmou que não defende a violência, mas que a “dispersão”foi necessária em razão do engarrafamento que prejudicou a vida das pessoas. “Eu não vou defender nunca a violência, mas eu considero uma violência que as pessoas se julguemno direito, por mais legítima que seja a sua reivindicação, de achar que podem parar a cidade por conta da sua reivindicação. Não dá: vai virar uma bagunça isso aqui?”, disse. (Política Livre)