Share Button

Foto: Notícias de Santaluz

Foto: Notícias de Santaluz

Lucas Pereira de Souza e Tiago de Carvalho Silva, acusados de tentar matar o agricultor Luzialdo José Araújo Santana, foram absolvidos no júri popular que aconteceu no Fórum Desembargador José Maciel dos Santos, em Santaluz, região sisaleira da Bahia, nesta quarta-feira (10).

Apenas Lucas compareceu ao julgamento, que aconteceu quase 10 anos depois do crime, ocorrido em 16 de maio de 2009. Na ocasião, ele chegou a ficar preso por um ano e três meses, mas atualmente respondia ao processo em liberdade.

Foto: Notícias de Santaluz

Foto: Notícias de Santaluz

Os advogados de defesa de Lucas e Tiago foram Adrian William Nascimento Silva e a defensora pública Flávia Apolônio Gomes.

Na acusação, atuou o emblemático promotor de Justiça Davi Gallo, que tem em seu currículo mais de mil participações em júris, inclusive de muitos casos graves que tiveram repercussão nacional.

Ao longo do julgamento, promotor e advogados tiveram duas horas cada para falar aos sete jurados. A fase de debate da acusação e da defesa se encerrou por volta das 16h30, após a réplica e a tréplica das partes.

Foto: Notícias de Santaluz

Foto: Notícias de Santaluz

Em seguida, o Conselho de Sentença do Tribunal do Júri se reuniu e decidiu absolver os réus da acusação de tentativa de homicídio qualificada. Por volta das 17h20, a sentença foi proferida pela juíza Lisiane Souza Alves Duarte, que presidiu a sessão.

Sobre o caso

Na noite de 16 de maio de 2009, o agricultor Luzialdo José Araújo Santana, conhecido também como ‘Papá’, sofreu uma tentativa de homicídio no bairro JK, em Santaluz.

De acordo com a denúncia apresentada a Justiça pelo Ministério Público Estadual, a vítima foi atingida na altura do tórax por um disparo de ‘espingarda de socar’.

Luzialdo foi socorrido e encaminhado ao hospital da cidade, onde foi medicado e em seguida transferido para outra unidade de saúde em Feira de Santana. Após passar alguns dias internado e ser submetido a cirurgia, o homem sobreviveu, mas cerca de três anos depois ele morreu em um acidente de moto.

Ainda conforme a denúncia, Lucas e Tiago fugiram do local do crime. Lucas foi encontrado pela polícia no dia 1º de junho de 2009 e chegou a ficar preso por um ano e três meses pelo crime, que pode ter motivação passional, já que a mulher de Lucas – com quem ele tem relacionamento até hoje – tinha sido companheira de Luzialdo e de um irmão dele, o que teria gerado uma desavença entre os envolvidos.

Ao prestar depoimento nesta quarta-feira, Lucas disse que cerca de duas horas antes da tentativa de homicídio, Luzialdo e o irmão teriam tentado agredi-lo com um facão.

Notícias de Santaluz