xIMAGEM_NOTICIA_5.jpg.pagespeed.ic.FXswRvwjRc

Prefeitos de Fátima e Sítio de Quinto se entregaram à Polícia Federal, nesta quarta

Os prefeitos de Fátima e Sítio do Quinto, suspeitos de participação no esquema de desvio de recursos públicos que pode superar R$ 70 milhões, se entregaram na sede da Polícia Federal, em Salvador, no início da manhã desta quarta-feira (14). Os gestores José Idelfonso Borges dos Santos (PDT) e Cleigivaldo Santa Rosa (PDT), das respectivas cidades, serão interrogados pelo delegado José Nogueira Elpídio. Além deles, mais quatro das 10 pessoas que não foram encontradas durante a “Operação 13 de Maio”, deflagrada na terça-feira (13) e que prendeu 19 pessoas temporariamente, também se entregaram na manhã desta quarta. Com isso, ao todo, 25 pessoas estão detidas, sendo que a maioria, segundo a PF, já prestou depoimento. Foram 29 mandados de prisão emitidos pela Justiça Federal – quatro ainda são foragidos. Do total dos mandados de prisão emitidos, dois são para prefeitos, quatro ex-prefeitos, quatro vereadores, seis secretários ou ex-secretários, além de diversos servidores públicos. Pelo menos 90 laudos periciais foram emitidos. Entre as pessoas já presas estão o ex-prefeito do município de Fátima, Osvaldo Ribeiro de Nascimento, o Secretário de Finanças e filho do prefeito, José Roberto, além do Secretário de Educação Sidinei Andrade. Informações do G1.