O clima na cidade é de comoção | Fotos: Raimundo Mascarenhas

O prefeito de Pintadas, Edenivaldo Ferreira Mendes (PT), decretou nesta quarta-feira (30) luto oficial no município em decorrência da morte de sete pessoas, em um acidente que ocorreu na tarde desta terça-feira (29), na BA-414, trecho que liga Ipirá a Pintadas. Além dos sete mortos, oito pessoas ficaram feridas. Segundo o G1/Bahia, quatro continuam internadas. Segundo o Calila Notícias, em respeito à dor das pessoas que perderam amigos e parentes na tragédia, e, por conta da comoção causada pelo maior acidente com mortes registrado desde a emancipação do município, o comércio também não funcionou nesta quarta. Ainda de acordo com o CN, os corpos das vítimas começaram a ser velados no início da noite de quarta, após passarem, aproximadamente 24 horas, no DPT de Itaberaba.

O clima na cidade é de comoção.

Após o capotamento, furgão ficou destruído. Sete vítimas morreram e oito ficaram feridas

Vítimas fatais do acidente

Maria Almeida de Jesus Rocha, de 65 anos; Aquilina Ferreira Lima, de 69 anos e seu filho, Sinval Ferreira Lima, de 35 anos; Valdemar dos Santos Oliveira, de 70 anos; Alfredo Martins dos Santos, de 63 anos; Virgílio Almeida, de 72 anos e Ivonete Gonzaga de Andrade, de 53 anos.

Todos voltavam de um velório em Ipirá quando o acidente aconteceu, na Estrada do Feijão. Segundo testemunhas, um dos pneus do furgão estourou, causando o capotamento do veículo. Segundo o G1/Bahia, das vítimas fatais, quatro morreram na hora e outras três em hospitais. A polícia de Ipirá informou que o veículo fazia transporte clandestino. A investigação aponta que o carro circulava entre Ipirá e o município de Pintadas.

Redação Notícias de Santaluz