WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Home . Inicio



Max Santa Luzia

Laboratório Checap

Império Store

Drogaria Santana

Santaluz: Prefeito e vice se reúnem novamente com executivos da Yamana para cobrar ações da mineradora

10574369_667068726712574_2287962898002653838_n-300x271

Zenonzinho e roudillys durante reunião na sede da Yamana Gold, em São Paulo | Foto: Ascom/PMS

Na manhã desta segunda-feira (8), o prefeito de Santaluz Zenon Nunes Filho (PSD), juntamente com o vice-prefeito Roudillys Rios, esteve na sede do projeto C1 Santaluz, para cobrar ações da Yamana Gold, sobretudo, o acerto de pendências financeiras com prestadores de serviços, a fim de viabilizar o pagamento das rescisões trabalhistas dos empregados pelos serviços prestados à empresa.

Por meio de videoconferência, os gestores, que já tinham se reunido com representantes da empresa, em São Paulo, conversaram novamente com executivos da mineradora canadense e, além do pagamento imediato das rescisões trabalhistas e das pendências com os prestadores de serviços, cobraram novos esclarecimentos sobre a paralisação.

“Nós, assim como toda a população, fomos pegos de surpresa pela decisão da Yamana em paralisar as atividades no projeto. Poucos dias antes, tinhamos nos reunido com representantes da mineradora, em São Paulo, e fomos informados de que estava tudo correndo bem”, disse Roudillys, que explicou o motivo da nova reunião. “Após o anuncio repentino da paralisação, as empresas terceirizadas estão tendo dificuldades em honrar as dívidas trabalhistas com os empregados e, por isso, nos reunimos novamente com a Yamana para cobrar, de maneira mais enérgica, o acerto das pendências financeiras para dar um pouco de tranquilidade ao nosso povo, neste momento difícil”, declarou o vice-prefeito.

Após a reunião, a Yamana emitiu comunicado oficial afirmando que está firmando acordo com prestadores de serviços locais para assegurar o pagamento das rescisões trabalhistas.

O prefeito Zenonzinho comemorou o resultado do encontro e disse que continuará se esforçando para assegurar os direitos dos trabalhadores luzenses. “Desde que a Yamana resolveu, de maneira surpreendente, anunciar a paralisação temporária das atividades em nosso município, estamos empenhados em, no primeiro instante, garantir que os direitos trabalhistas dos luzenses sejam respeitados e, em seguida, negociar com a empresa a viabilidade do retorno das atividades, o mais rápido possível, para que a nossa economia não seja afetada. Não mediremos esforços para garantir a tranquilidade do povo luzense”, afirmou o prefeito Zenonzinho

A paralisação das atividades no projeto C1 Santaluz foi comunicada pela Yamana, através de comunicado oficial, no dia 26 de agosto deste ano. A mineradora afirma que o projeto, que se encontrava em fase pré-operacional nos últimos 14 meses, vinha apresentando perdas financeiras, não se mostrando economicamente viável. A empresa informou que, durante a suspensão temporária das atividades, realizará novos testes e estudos sobre a viabilidade econômica do projeto.

Redação Notícias de Santaluz

1 resposta para “Santaluz: Prefeito e vice se reúnem novamente com executivos da Yamana para cobrar ações da mineradora”

  • Ubaldo disse:

    De quanto era o prejuízo mensal da Yamana? Quanto custa o tal forno que eles tem que instalar para produzir no percentual desejado? Quanto as empresas estavam pagando de impostos ao município e ao estado? O partido do prefeito não é da base do governo?
    A depender das repostas para essas perguntas faltou jogo de cintura para negociar e manter as atividades normalmente garantindo os empregos.

Deixe seu comentário



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia