WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Home . Inicio




Laboratório Checap

Império Store

Drogaria Santana

:: ‘Destaque2’

Coronel diz que governo ‘entrou firme’ para acabar com a CPMI das Fake News

Share Button
Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado

Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado

Senador pela Bahia e presidente da CPMI das Fake News, Angelo Coronel (PSD) declarou que nos últimos dias o governo de Jair Bolsonaro tinha “entrado firme” para tentar acabar com a investigação. “O governo entrou firme para tentar mudar a opinião de vários senadores”, afirmou ele segundo o site Antagonista. “A cada dia a gente vê essas ações de membros do governo e isso nos deixa com mais ânimo de continuar, com mais evidência e eficácia, essas investigações”, completou. Coronel deu as declarações após o deputado federal Eduardo Bolsonaro ameaçar ir ao Supremo Tribunal Federal (STF) contra o colegiado. O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM), estendeu o prazo da CPMI. Em razão da pandemia do novo coronavírus, a CPMI das Fake News só terá o prazo contado a partir do retorno dos trabalhos presenciais.

Farmacêutico é demitido após liberar cloroquina a médico que morreu por Covid-19 na Bahia

Share Button

Por TV BA

Foto: Reprodução/Redes Sociais

Foto: Reprodução/Redes Sociais

O farmacêutico do Hospital Costa do Cacau, em Ilhéus, que vendeu remédios ao médico que morreu por coronavírus foi demitido por cometer uma infração ao liberar medicamento controlado de uso hospitalar. A informação foi divulgada pela Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab), nesta quarta-feira (22). O profissional tinha liberado a hidroxicloroquina e a azitromicina, que podem ter contribuído para a morte de Gilmar Calasans, de 55 anos. A receita foi feita por um outro médico que trabalha no hospital e, segundo a Sesab, foi advertido. Gilmar estava em tratamento domiciliar, quando teve um mal súbito e morreu, na segunda (20). A Sesab informou que ele era hipertenso e diabético mas Daniela Calasans, sobrinha do médico, negou que o tio fosse diabético; confirmou apenas a hipertensão. Até o início da noite desta quarta (22), a Bahia tinha registrado mais de 1.600 casos confirmados de coronavírus, com mais de 50 mortes.

Mãe e filha são presas com 3 kg de cocaína em Salvador

Share Button
Foto: Divulgação/SSP

Foto: Divulgação/SSP

Uma mulher de 49 anos e a filha dela, de 21, foram presas em flagrante, no final da tarde de terça-feira (21), com 3 kg de cocaína, em Salvador. Segundo a Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), equipes das Rondas Especiais (Rondesp) Atlântico flagraram a dupla no bairro de São Cristóvão. Os policiais patrulhavam na área conhecida como Cascalheira, quando avistaram, em um terreno baldio, um homem passando tabletes para as duas mulheres. Em seguida, os militares efetuaram o flagrante. Conforme a SSP, o homem conseguiu escapar por um matagal, mas a mulher, que possui condenação por tráfico de drogas, e a filha acabaram capturadas. Além dos três quilos de cocaína avaliados em 50 mil reais, com a dupla os policiais apreenderam ainda dois celulares e R$ 115 em espécie. No caminho para a Central de Flagrantes, onde foram apresentadas, as mulheres informaram que integram uma facção e que levariam os entorpecentes para o bairro da Mata Escura, segundo a SSP.

Notícias de Santaluz

Preço do petróleo americano despenca quase 40%, e vai abaixo de US$ 12 o barril

Share Button
Foto: Reprodução/Pixabay

Foto: Reprodução/Pixabay

A cotação do petróleo americano registrava queda de quase 40% nesta segunda-feira (20), abaixo de US$ 12 o barril – um novo mínimo em mais de duas décadas, consequência da redução expressiva da demanda mundial provocada pela pandemia de coronavírus. Por volta das 10h (horário de Brasília), o barril americano West Texas Intermediate (WTI) perdia 37,22% e era negociado a US$ 11,47 a unidade. Este é seu menor nível desde 1999, de acordo com a France Presse (AFP). Em 2011, o barril valia US$ 114. Ao mesmo tempo, o barril de Brent do Mar do Norte, referência para o mercado europeu, recuava 6,05%, a US$ 26,38 o barril. Nas últimas semanas, o mercado de petróleo registrou o menor nível de preços em quase 20 anos. Bloqueios e restrições de viagens em todo planeta têm um forte impacto na demanda. A crise aumentou depois que a Arábia Saudita, membro da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), iniciou uma guerra de preços com a Rússia, que não integra o cartel. Os dois países encerraram a disputa no início do mês, quando aceitaram, ao lado de outros parceiros, reduzir a produção em quase 10 milhões de barris diários para estimular os mercados afetados pelo vírus. Ainda assim, os preços continuam em queda. Analistas consideram que os cortes não são suficientes para compensar a forte redução da demanda. “Acredito que, em breve, voltaremos aos menores níveis desde 1998, por volta dos 11 dólares”, afirmou Jeffrey Halley, analista de mercados da OANDA entrevistado pela AFP.

China altera balanço de mortos por Covid-19 e diz que número é 40% maior

Share Button

Por G1

Foto: Reprodução/Pixabay

Foto: Reprodução/Pixabay

A China, alvo de suspeitas e críticas por sua gestão da pandemia de Covid-19, revisou os números e anunciou nesta sexta-feira (17) 1.290 mortes adicionais na cidade de Wuhan, marco zero do novo coronavírus. Os balanços oficiais chineses de contágios e mortes provocadas pelo coronavírus provocam há várias semanas diversas suspeitas, começando pelo governo dos Estados Unidos. A China havia anunciado até o momento 3.342 mortes e mais de 82 mil contágios em um país de quase 1,4 bilhão de habitantes. O novo balanço de mortes pela Covid-19 representa uma alta de 38,6% em relação aos dados divulgados anteriormente. Nesta sexta-feira, a cidade de Wuhan surpreendeu o mundo ao elevar em 50% o balanço de mortes provocadas pelo novo coronavírus. Em um comunicado publicado nas redes sociais, a cidade chinesa de 11 milhões de habitantes explica que, no pico da epidemia, alguns pacientes morreram em casa porque não tinham condições de ser atendidos em hospitais e não foram contabilizados. Com os novos números, o balanço total de vítimas fatais na China subiu para 4.632 mortes.

Ministro Luís Roberto Barroso é eleito novo presidente do TSE

Share Button

Por TV Globo

Foto: Nelson Jr./SCO/STF

Foto: Nelson Jr./SCO/STF

O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), foi eleito nesta quinta-feira (16) presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Foram seis votos a um. Tradicionalmente, o ministro que é eleito para comandar a Corte vota no vice. Em função do coronavírus, a votação, que é secreta e ocorre em sessão no plenário do tribunal, foi eletrônica e os magistrados votaram de suas casas. A Corte enviou para cada ministro um equipamento, além de cabine e mesário. Desde que foi declarada a pandemia, os julgamentos estão ocorrendo por videoconferência e a Justiça Eleitoral tem trabalhado em sistema de plantão. Barroso assume a presidência do TSE em 26 de maio, substituindo a ministra Rosa Weber. O ministro vai comandar as eleições municipais de outubro e tem defendido que só em junho será possível avaliar se o pleito deve ser adiado por causa do avanço do coronavírus pelo país. Isso porque as votações podem provocar aglomerações. Ele tem se manifestado contrário à prorrogação do mandato de prefeitos e vereadores para depois de 1º de janeiro de 2021, fazendo com que as eleições coincidam em 2022. Segundo o futuro presidente do TSE, se o adiamento for necessário, a disputa eleitoral deve ser transferida para dezembro. O primeiro turno do pleito está marcado para 4 de outubro e o segundo, para o dia 25. O ministro ressaltou que qualquer alteração na data da eleição vai depender do Congresso. “O tribunal vai ter o cuidado de estabelecer interlocução necessária com Congresso Nacional para que possamos compartilhar as circunstâncias técnica e políticas”.

Mandetta já conversa com assessores em clima de despedida, revela coluna

Share Button
Foto: Carolina Antunes/PR

Foto: Carolina Antunes/PR

Ainda sob ameaça de demissão, o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, aposta que sua saída da pasta não passa desta semana. Na noite de terça (14), ele avisou a membros de sua equipe que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) procura um nome para sucedê-lo. Segundo a coluna Painel, da Folha de S. Paulo, o tom de Mandetta na conversa já era de despedida. Os presentes relatam que ele se comprometeu a esperar a escolha do substituto e permanecer no posto de trabalho até a exoneração acontecer. Alguns membros da equipe chegaram a sugerir que ele peça demissão, pois a crise com o presidente piorou depois de sua entrevista ao Fantástico – a ala militar que antes apoiava a permanência dele considerou a entrevista uma provocação. Mas, em diversas ocasiões, o ministro repetiu que “médico não abandona paciente”.

Suspeito de destruir caixas eletrônicos de agência bancária em Salvador é preso

Share Button

Por G1 BA

Foto: Reprodução/TV Bahia

Foto: Reprodução/TV Bahia

Um homem suspeito de destruir caixas eletrônicos de uma agência bancária em Salvador foi preso no final da tarde de segunda-feira (13). A informação foi confirmada pela Polícia Militar. Segundo a polícia, agentes da Companhia Independente de Policiamento Tático (CIPT)/ Rondesp BTS foram acionados pelas pessoas que presenciaram a situação. Ao chegarem ao local, os policiais identificaram que o homem danificou seis máquinas eletrônicas e, em seguida, fugiu para o bairro da Massaranduba. O homem foi encontrado posteriormente, durante rondas da guarnição. Ainda de acordo com a PM, o suspeito estava com a mesma roupa informada pela população e também com uma marreta na mão. Ele foi preso e levado para a sede da Polícia Federal, no bairro do Itaigara.

Buenos Aires anuncia multas de até R$ 6,2 mil para quem não usar máscaras

Share Button

Por O Globo e La Nación

Foto: Reprodução/Pixabay

Foto: Reprodução/Pixabay

O governo de Buenos Aires informou nesta segunda-feira que aplicará multas em quem não usar máscaras para se proteger da Covid-19. Além de desembolsar entre 10.700 (R$ 842) e 79.180 (R$ 6.235) pesos argentinos, pessoas desprotegidas ficarão sujeitas a prisão ou a revogação de seus alvarás, caso sejam comerciantes. Para prevenir a proliferação da doença, o chefe de governo da Cidade Autônoma de Buenos Aires, Horacio Rodríguez Larreta, anunciou que o uso dos equipamentos de proteção será obrigatório para ingressar ou permanecer em estabelecimentos comerciais ou que tenham contato com o público, sejam eles públicos ou privados. A medida, que entrará em vigor à meia-noite de quarta-feira, também obriga a utilização das máscaras em transportes públicos. Além da fiscalização policial, há ainda uma linha telefônica para denúncias. A Argentina inteira está em quarentena geral obrigatória desde o dia 20 de março – período prorrogado no sábado até ao menos 26 de abril pelo presidente Alberto Fernández. Seguindo algumas das restrições de locomoção mais duras do mundo, os argentinos podem apenas sair de casa para ir a supermercados, postos de gasolina, farmácias e hospitais. Desde então, 8.703 pessoas foram detidas ou notificadas em Buenos Aires por descumprir as medidas.

Bahia registra 723 casos confirmados de Covid-19 e 22 mortes

Share Button
Foto: Reprodução/Pixabay

Foto: Reprodução/Pixabay

Até as 12 horas desta segunda-feira (13), a Bahia havia registrado 723 casos confirmados do novo coronavírus (Covid-19), sendo 73 profissionais de saúde. Até o momento, 4.917 casos foram descartados e, segundo a Secretaria de Saúde do Estado (Sesab), houve 22 óbitos, sendo 11 no município de Salvador, Lauro de Freitas (2), Gongogi (1), Itapetinga (1), Utinga (1) e Adustina (1), Araci (1), Itagibá (1), Uruçuca (1), Ilhéus (1) e Vitória da Conquista (1). De acordo com a Sesab, o 22º óbito foi registrado nesta segunda-feira. O paciente era um homem de 69 anos, residente em Vitória da Conquista, com histórico de diabetes, hipertensão e glaucoma. Ao todo, 164 pessoas estão recuperadas e 66 se encontram internadas, sendo 28 em UTI. 

Notícias de Santaluz



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia