WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Home . Inicio






Laboratório Checap

drogaria_santana

:: ‘Destaque2’

Paulo Guedes e equipe discutem privatização do Banco do Brasil

Share Button
Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

A privatização do Banco do Brasil está no radar do governo. O ministro da Economia, Paulo Guedes, e sua equipe devem tentar convencer o presidente Jair Bolsonaro a aceitar vender a instituição pública, de acordo com o jornal O Globo, que afirma ter ouvido fontes próximas ao assunto. Segundo a publicação, a privatização do Banco do Brasil poderia ocorrer até o fim do mandato, em 2022. Ao jornal, a pasta comandada por Guedes negou a intenção do governo de desestatizar a empresa e o banco não comentou o assunto. Em outubro deste ano, o presidente da instituição financeira, Rubem Novaes, chegou a afirmar que a privatização do Banco do Brasil era inevitável, ressaltando que era sua “opinião pessoal”.

Bolsonaro envia projeto para acabar com cota para trabalhador com deficiência em empresas

Share Button

Por Revista Fórum

Cerimônia CAIXA "Pessoa com Deficiência" | Foto: Marcos Corrêa/PR

Bolsonaro e Michelle em evento com pessoas com deficiência | Foto: Marcos Corrêa/PR

O presidente Jair Bolsonaro enviou ao Congresso um projeto que acaba com as cotas para trabalhadores com deficiência nas empresas. Nesta terça-feira (3), Dia Internacional das Pessoas com Deficiência, a oposição marcou uma reunião para tentar barrar o projeto de lei (PL) e derrubar a urgência que ele está tramitando. O PL 6.195/2019, proposto pelo governo, permite que empresas recolham dois salários mínimos a uma conta da União em troca de contratar funcionários com deficiência. O fundo será gerenciado pelo governo e, em tese, aplicado no programa de reabilitação física e profissional. A criação dessa política de recuperação para o trabalho já era prevista na Medida Provisória 905, que criou o programa verde amarelo de estímulo ao emprego. O projeto ainda permite a inclusão de aprendizes entre funcionários com deficiência e a contagem em dobro quando da contratação de um trabalhador com deficiência grave, sem dizer, no entanto, quem definirá o que é deficiência grave. Em nota de repúdio, a Associação Nacional dos Membros do Ministério Público de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência e Idosos (Ampid) diz que o envio do projeto de lei viola a Convenção Internacional sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência, da qual o Brasil é signatário, e obrigaria o governo a consultar as pessoas com deficiência.

Turistas são presos com R$ 9 mil em notas falsas ao tentar pagar conta em bar na Bahia

Share Button
Foto: Divulgação/SSP

Foto: Divulgação/SSP

Três turistas do estado de Minas Gerais, que não tiveram os nomes revelados, foram presos com R$ 9 mil em notas falsas na noite deste domingo (1), no município de Vera Cruz, localizado na região metropolitana de Salvador. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), eles foram denunciados após usar o dinheiro ilegal para tentar pagar uma conta em um bar. O trio foi preso em flagrante e levado à sede da Polícia Federal de Salvador, que investiga o caso.

Notícias de Santaluz

Trump acusa o Brasil de desvalorizar o real e anuncia retaliação

Share Button

Por G1

Foto: Reprodução/Ting Shen/Xinhua

Foto: Reprodução/Ting Shen/Xinhua

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, acusou nesta segunda-feira (2), em uma rede social, Brasil e Argentina de desvalorizarem “maciçamente” suas moedas, e afirmou que vai reinstalar as tarifas de importação sobre o aço e o alumínio dos dois países. “Brasil e Argentina têm presidido uma desvalorização maciça de suas moedas. O que não é bom para nossos agricultores”, escreveu Trump em uma rede social. Portanto, com efeito imediato, restaurarei as tarifas de todo o aço e o alumínio enviados para os EUA a partir desses países”. Trump ainda usou a oportunidade para criticar o Federal Reserve (Fed), o banco central norte-americano. “O Federal Reserve deveria agir da mesma forma, para que países, que são muitos, não se aproveitem mais nosso dólar forte, desvalorizando ainda mais suas moedas. Isso torna muito difícil para nossos fabricantes e agricultores exportarem seus produtos de maneira justa”, disse ele, que frequentemente tem defendido juros mais baixos nos Estados Unidos. Na manhã desta segunda-feira, o presidente Jair Bolsonaro afirmou que falará com Trump sobre o anúncio referente às tarifas. Do início do ano até a última sexta-feira (29), o dólar já subiu 9,43% frente ao real, barateando as exportações brasileiras e aumentando a competitividade dos produtos do país lá fora. Somente em novembro, a alta foi de 5,73%. O real foi a quarta moeda que mais perdeu valor em relação ao dólar no mês de novembro, segundo levantamento da Austin Rating, com uma desvalorização de 5,2%. A moeda brasileira ficou atrás somente do bolívar soberano, da Venezuela (-36,1%), do kwacha, da Zâmbia (-9,3%), e do peso do Chile (-8,1%).

Mulher finge passar mal em voo para viajar de classe executiva

Share Button

Por G1

Foto: Ross D. Franklin/Arquivo/AP Photo

Foto: Ross D. Franklin/Arquivo/AP Photo

Para ser transferida para uma classe mais alta no avião, uma mulher ainda não identificada fingiu que passava mal em um voo entre as cidades de Pensacola e Miami, nos Estados Unidos, na sexta-feira (29), o que forçou a aeronave a mudar de rota. O piloto do voo da American Airlines decidiu que se tratava de uma emergência, e voltou para Pensacola depois que a mulher disse estar com dificuldade para respirar. A tripulação chamou a polícia, e a mulher disse que inventou um problema médico para conseguir um assento melhor. Inicialmente, ela se recuou a desembarcar quando a polícia chegou. O piloto, então, decidiu que todos teriam que descer. A mulher, então, resolveu obedecer a ordem para sair do avião. Ela esteve sob custódia da polícia. Segundo a CNN, posteriormente ela foi levada a uma instituição para pacientes mentais. Ela não foi acusada de nenhum crime, por enquanto.

Menina escreve carta para o Papai Noel e pede cadeira de rodas para a irmã na Bahia: ‘Ficaria muito feliz’

Share Button

Por TV Subaé

Ana Vitória pediu uma cadeira de rodas para a irmã | Foto: Reprodução/TV Subaé

Ana Vitória pediu uma cadeira de rodas para a irmã | Foto: Reprodução/TV Subaé

Uma menina de 11 anos, que mora em Feira de Santana, escreveu uma carta para o Papai Noel fazendo um pedido diferente. A garota pediu uma cadeira de rodas para a irmã, que tem paralisia cerebral. “Uma cadeira de rodas, porque minha irmã precisa mais do que eu. O presente dela seria uma cadeira de rodas e se eu ganhasse, eu ficaria muito feliz”, disse Ana Vitória, que escreveu na escola em que ela estuda a carta para a campanha Papai Noel dos Correios. “Eu tenho duas irmãs, uma é doente, o nome dela é Emanuele. Ela tem paralisia nos dedos, não anda e não fala. Ela pegou uma bactéria e minha mãe sofreu muito com isso e eu também”, contou a garota. “Porque se ela ficar feliz vai ser a minha felicidade também”, concluiu.

Ana Vitória escreveu carta pedindo cadeira de rodas para a irmã | Foto: Reprodução/TV Subaé

Ana Vitória escreveu carta pedindo cadeira de rodas para a irmã | Foto: Reprodução/TV Subaé

Emanuele chegou a fazer um tratamento nos hospitais Sarah e Santo Antônio, em Salvador, mas não tem acompanhamento médico há dois anos. A família da adolescente não tem condições de pagar pelos serviços hospitalares e as fraldas usadas pela menina são doadas por uma igreja. Emanuele passa o dia deitada em um colchão que fica na sala da casa da família. “Estamos sem cama, porque a cama quebrou, aí ela dorme nesse colchão e a irmã dorme com ela, a Heloísa. Eu estou vendo para comprar outra cama para ela”, disse Lucinete Pereira. “Ela é uma pessoa doce, uma pessoa muito doce, carinhosa, gentil. Sabe agradecer tudo que as pessoas fazem. Quando eu falei da cadeira de rodas ela me deu um abraço, porque ela sabe agradecer. Não é igual aquelas pessoas que você dar e não recebe de volta”, disse emocionada, Ana Vitória. “Ela me dá carinho e o meu presente é o carinho dela”, disse.

Ricardo Teixeira é banido do futebol pela Fifa por esquema de propina

Share Button
Foto: Marcello Casal Jr/ Agência Brasil

Foto: Marcello Casal Jr/ Agência Brasil

O ex-presidente da CBF Ricardo Teixeira foi banido pelo resto da vida de atuar no futebol profissional, anunciou nesta sexta-feira (29) a Fifa, após julgar as acusações de propina durante a preparação do Brasil para sediar a Copa do Mundo de 2014. Segundo a Folhapress, um quadro independente do conselho de ética ligado à Fifa anunciou as sanções ao ex-dirigente, que já atuou como executivo da própria entidade, além de ter sido presidente da Conmebol e da CBF. Teixeira foi investigado por um esquema de propina durante o período de 2006 a 2012, pelos seus papéis junto a empresa que atuariam com mídia e direitos de imagem de eventos da CBF, Conmebol e Concacaf. A decisão divulgada pela Fifa aponta que Teixeira agiu contra o artigo 27 do código de ética da entidade, que aponta propina. Como resultado, sua sanção é o banimento por toda a vida de qualquer atividade ligada ao futebol, em qualquer campo, incluindo o esportivo e o administrativo, em âmbito nacional e internacional. Além disso, ele foi multado em 1 milhão de francos suícos, o que equivale a pouco mais de R$ 4 milhões. Teixeira foi notificado nesta sexta da decisão, que foi publicada oficialmente no site da Fifa.

Óleo no litoral: Marinha diz que 4,7 mil toneladas já foram recolhidas

Share Button

Por G1

Foto: Divulgação/Agência Petrobras

Foto: Divulgação/Agência Petrobras

O Grupo de Acompanhamento e Avaliação (GAA), formado por Marinha, Agência Nacional de Petróleo (ANP) e Ibama, informou nesta sexta-feira (29) que 4.700 toneladas de resíduos já foram recolhidas do litoral brasileiro. “Nessa fase de monitoramento nós verificamos uma estabilização da situação”, disse nesta sexta o almirante de esquadra, Campos, que coordena o grupo. O monitoramento das áreas atingidas mostra que, na última semana, 99% das ocorrências correspondem a vestígios de óleo nas praias atingidas. Nas praias do Rio de Janeiro, foram encontradas 320 gramas de óleo. De acordo com nota divulgada pelo grupo nesta quinta-feira (28), desde que foi registrada a primeira ocorrência início pelo derramamento óleo, em agosto, 803 localidades foram atingidas. Ainda conforme o órgão, há 19 dias não são encontradas manchas de óleo no mar. As primeiras manchas de óleo surgiram no dia 30 de agosto, em praias da Paraíba. Segundo o almirante Campos, a investigação da Marinha já descartou a possibilidade de desastre natural, ocorrida em razão de fissuras geológicas no fundo do oceano. “O mais provável é o transito de embarcações com o derramamento desse óleo acidentalmente ou não”, disse. Conforme o coordenador de atendimento a acidentes ambientais do Ibama, Marcelo Amorim, o óleo recolhido das praias é depositado em um local temporário indicado pelo município em que foi encontrado. Na sequência, os resíduos têm uma destinação final sob responsabilidade do Estado, que podem ser aterros sanitários industriais.

‘Fã’ interrompe velório e pede selfie a esposa e filho de Gugu; veja reações

Share Button
Foto: Reprodução/Instagram

Foto: Reprodução/Instagram

Uma mulher chegou até a área de convidados do velório de Gugu Liberato e teve um ato diferente. Ele pediu uma selfie ao primogênito do apresentador, João Augusto Liberato, e a sua esposa Rose Miriam di Matteo. A cerimônia acontece na Assembleia Legislativa de São Paulo no bairro do Ibirapuera. De acordo com a colunista Fabia Oliveira, em vários momentos, Miriam mostrou desconforto com as fotos e o assédio do público. Nas redes sociais, o público criticou o pedido de fotos. “Isso não é coisa que se faça, ainda mais uma hora dessas”, disse uma primeiramente. “As pessoas perderam a noção do ridículo mesmo”, falou outra. “O mundo está perdido”, pontuou mais uma. Gugu sofreu um acidente doméstico em sua casa em Orlando, nos Estados Unidos, na ultima quarta-feira (20). O apresentador caiu de uma altura de 4 metros ao subir no sótão para arrumar o ar-condicionado, quando o piso, feito de gesso, cedeu. Ao cair, Gugu bateu a cabeça em uma escada de ferro.

Homem é preso suspeito de estuprar filha de 6 meses na Bahia; mãe fez denúncia

Share Button

Por G1 BA

Foto: Divulgação/Polícia Civil

Foto: Divulgação/Polícia Civil

Um homem foi preso suspeito de estuprar a filha de 6 meses em Caetité, no sudoeste da Bahia. De acordo com o delegado José Berto, que investiga o caso, a mãe da bebê contou, em depoimento, que vinha notando assaduras na região íntima da filha há dois meses e, por isso, começou a suspeitar do abuso. Conforme José Berto, após levar a criança para fazer um exame de perícia, a mãe denunciou o crime na delegacia de Guanambi. A polícia aguarda o laudo pericial da vítima. Eliseu Carlos Pereira dos Santos foi preso na Delegacia de Caetité, na quarta-feira (27), onde o caso é investigado. Ele vai ser ouvido na tarde desta quinta (28), segundo o delegado.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia