WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Home . Inicio




Laboratório Checap

Império Store

Drogaria Santana

:: ‘Destaque1’

Bahia recebe nova remessa de vacinas contra Covid-19

Share Button

Foto: Mateus Pereira/GOVBA

A Bahia recebe mais remessas de vacinas contra o coronavírus. Ao todo, 208.700 doses chegam ao aeroporto de Salvador em dois voos comerciais nesta quarta-feira (24). O primeiro deles, com 129.500 vacinas produzidas pela AstraZeneca/Fiocruz, pousou no final da manhã. O outro, que trará 79.200 doses da Sinovac/Butantan, está programado para pousar às 21h20. Após a chegada dos imunizantes a equipe da coordenação de imunização do Estado fará organização para a distribuição das doses para as centrais regionais, de onde serão encaminhadas para os municípios. A nova remessa dará possibilidade de continuidade com a primeira fase do plano de vacinação, que inclui idosos e trabalhadores de saúde. Esta é a quinta remessa de vacinas que a Bahia recebe. Com a carga desta quarta-feira (24), o estado totaliza 945.600 doses recebidas, entre Coronavac e Oxford, desde o dia 18 de janeiro, quando chegou a primeira remessa. Segundo a Secretaria Estadual de Saúde (Sesab), 417.396 baianos foram vacinados contra o coronavírus até as 15h de terça-feira, dos quais 69.964 receberam também a segunda dose.

Notícias de Santaluz

Estado reconhece situação de emergência por causa da escassez de chuvas em Barrocas e Nordestina

Share Button

Foto: Reprodução

O Governo da Bahia reconheceu, nesta quarta-feira (24), situação de emergência por conta da estiagem nos municípios de Barrocas e Nordestina, ambos na região sisaleira do estado. A medida é válida por 180 dias, contados a partir de 26 de janeiro em Barrocas e 8 de fevereiro em Nordestina, datas em que as prefeituras decretaram a condição de emergência. Durante esse período, os municípios não precisam fazer licitação para realizar ações que visam atender a população afetada pela escassez de chuvas.

Notícias de Santaluz

Mais nove casos de Covid são registrados em Santaluz e total de ativos sobe para 219

Share Button

A máscara é uma das principais formas de prevenção contra o novo coronavírus | Foto: Freepik

Mais nove casos de Covid foram registrados em Santaluz, segundo boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde na noite desta terça-feira (23). Com isso, a cidade passa a contabilizar 1.973 diagnósticos positivos da doença desde o começo da pandemia, com 1.726 curas clínicas – sendo quatro delas confirmadas nas últimas 24 horas – e 28 óbitos. O número de pacientes com o vírus ativo também registrou aumento com relação ao último boletim, subindo para 219. Além disso, há ainda 149 suspeitas de infecção sendo investigadas.

Notícias de Santaluz

De forma 100% remota e com dois anos letivos em um, aulas na rede estadual da Bahia começam no dia 15 de março

Share Button

Foto: Reprodução/MCTIC

O início do ano letivo 2020/2021 na rede estadual de ensino da Bahia está programado para o próximo dia 15 de março, de forma 100% remota. O planejamento foi anunciado pelo governador Rui Costa e pelo secretário da Educação, Jerônimo Rodrigues, nesta terça-feira (23). A volta do ensino no modo presencial não tem data prevista e está condicionada aos parâmetros sanitários relacionados à Covid 19 no estado.

O governador destacou que o início das aulas com atividades remotas irá contemplar todos os alunos da rede estadual. “Adotamos uma estratégia que irá atender a todos os alunos da rede estadual. Desde o início da pandemia, eu afirmei que não iria aceitar uma solução que alcançasse um número pequeno de alunos. Temos muitos estudantes que moram na zona rural e que não têm sequer sinal de celular. Por isso, estamos implementando esse início remoto das aulas, que não se trata de aula virtual por entender que não contemplaria os alunos que não têm sinal de telefone ou banda larga”, afirmou Rui.

Jerônimo Rodrigues explicou como foi planejado o início das atividades. “Nós podemos detalhar essas atividades, neste primeiro momento, em três datas. No dia 1º de março, nós chamaremos os profissionais da educação para se prepararem e, para a divulgação, com maior força, do que nós iremos fazer. No dia 8 de março, nós iniciaremos a jornada pedagógica Paulo Freire, fechando um ciclo de planejamento e preparação da rede estadual. No dia 15 de março, iniciaremos as aulas de forma remota”.

O planejamento da Secretaria da Educação do Estado indica a realização dos dois anos letivos, de 2020 e 2021, até o dia 29 de dezembro, com 1.500 horas aula. Serão três fases de atividades escolares. Após a etapa 100% remota, será a vez da fase híbrida, com três dias da semana de aulas remotas e outros três de aulas presenciais e, por fim, a retomada das aulas 100% presenciais.

Matrícula automática

A matrícula dos estudantes que já fazem parte da rede estadual de ensino será automática, ou seja, não será preciso se dirigir às unidades escolares ou fazer qualquer tipo de atualização cadastral via internet. Para os estudantes que irão ingressar na rede estadual, um calendário específico está em fase elaboração e será divulgado em breve. “Nós vamos disponibilizar canais de comunicação com a escola, com a Secretaria, com a Ouvidoria, para tranquilizar os pais sobre a matrícula”, acrescentou Jerônimo.

De acordo com a Secretaria da Educação, foram selecionadas plataformas digitais qualificadas, cadernos de conteúdo e livros didáticos para garantir o ensino e a aprendizagem na primeira fase do ano letivo. “Nós continuaremos usando a TVE, agora com um canal específico, o Educa Bahia, para que a gente possa deixar permanente, durante todo o dia, as atividades programadas de educação e as lives que nós achamos importantes”, completou o secretário.

Notícias de Santaluz

Laboratório detecta variante peruana do novo coronavírus em circulação na Bahia

Share Button

Foto: Mateus Pereira/GOVBA

A Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab) informou nesta terça-feira (23) que o Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen) identificou uma cepa peruana do novo corononavírus em circulação na no estado. Segundo a Sesab, trata-se da linhagem C.14, que foi introduzida a partir de um viajante que aportou em Salvador de navio, em fevereiro. Ainda conforme a pasta, o Lacen já identificou 13 diferentes linhagens do novo coronavírus em cerca de um ano, provavelmente vinculadas a múltiplos eventos de importações ocorridas simultaneamente e que justificam o alto número de infecções registradas no estado. Em janeiro 2021 foram também detectadas no estado as novas variantes recentemente identificadas no Brasil, sendo elas a variante P.1 e P.2 isoladas pela primeira vez no norte e no sudeste do país. A diretora do Lacen, Arabela Leal, reforça o que os epidemiologistas e infectologistas já vêm alertando em todo o mundo: a mobilidade humana representa um fator crucial para a dispersão do novo coronavírus e das suas novas variantes. “Enquanto não houver vacina para todos, distanciamento social e medida de restrições ainda continuam sendo essenciais para a minimização da circulação deste patógeno no Brasil”, afirmou.

Notícias de Santaluz

Contas de luz devem subir 13% em 2021, maior aumento em 3 anos

Share Button

Foto: Freepik

O aumento médio nas contas de luz em 2021 deve ser o maior desde 2018, de acordo com o diretor-geral da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), André Pepitone. Atualmente, informou ele, a estimativa da agência é que o aumento médio fique em 13% em 2021. Segundo o G1, esse percentual cairia para 8% com a devolução aos consumidores de uma parte dos R$ 50 bilhões em impostos cobrados a mais nas contas de luz nos últimos anos. Mesmo assim, o aumento de 8% continuaria sendo o maior desde 2018, quando a alta média das tarifas foi de 15%. No sábado (20), o presidente Jair Bolsonaro afirmou que vai “meter o dedo na energia elétrica”. Segundo ele, isso é “outro problema” do país. Ele deu a declaração um dia depois de anunciar a troca do presidente da Petrobras, em meio a pressões geradas por seguidos aumentos no preço dos combustíveis. Esse forte reajuste nas contas de luz viria num momento em que o país ainda sofre com os reflexos da pandemia da Covid-19 na economia. Por isso, segundo informou Pepitone em entrevista ao G1, já estão sendo feitos estudos de medidas adicionais para aliviar a pressão sobre as tarifas de energia.

Governo da Bahia planeja reabrir Hospital de Campanha da Arena Fonte Nova até esse final da semana

Share Button

Foto: Fernando Vivas/GOVBA

Foi publicado, no Diário Oficial do Estado (DOE) desta terça-feira (23), o edital para contratação de uma organização social que fará a gestão do Hospital de Campanha Arena Fonte Nova. A expectativa é que os leitos sejam abertos até o final da semana. O edital contempla 200 leitos, sendo 100 de Terapia Intensiva (UTI) e 100 clínicos, que serão abertos progressivamente. De imediato estarão disponíveis 50 leitos de UTI e 30 clínicos. “Neste momento é preciso reconhecer que há uma dificuldade na mobilização de profissionais intensivistas, que são especializados no atendimento e tratamento de pacientes graves. Além do número reduzido, muitos já atuam em outras unidades e não tem mais carga horária disponível ou estão exaustos em virtude dos 11 meses de pandemia”, afirma a subsecretária da Saúde, Tereza Paim. Na segunda-feira (22), a Secretaria Estadual de Saúde (Sesab) registrou, pelo quarto dia consecutivo, o maior número de pacientes internados em UTIs Covid-19 desde o início da pandemia na Bahia. São 912 pacientes adultos e pediátricos em estado grave ocupando leitos nas diversas regiões. O boletim epidemiológico divulgado na segunda também registrou 63 novas mortes por complicações da doença.

Notícias de Santaluz

Primeira pessoa vacinada na Bahia pega Covid-19 antes de tomar a 2ª dose

Share Button

Enfermeira foi a primeira pessoa vacinada contra a Covid-19 na Bahia | Foto: Itana Alencar/G1 Bahia

A enfermeira Maria Angélica de Carvalho Sobrinho, de 53 anos, primeira pessoa vacinada contra a Covid-19 na Bahia, contraiu a doença antes de tomar a segunda dose do imunizante. Nesta terça-feira (23), ela está internada no Instituto Couto Maia, em Salvador, e tem quadro clínico considerado estável. “O que aconteceu com Angélica é que ela pegou a doença após a primeira dose. Ela ia tomar a segunda dose no dia 16 e, entre 12 e 13, começou a sentir um mal estar. Ela está bem, está usando pouco oxigênio, mas quando se movimenta fica um pouquinho desconfortável, por isso ela está sendo mantida ainda no hospital”, explicou ao G1 a médica infectologista Ceuci Nunes, que é diretora geral do Couto Maia, unidade referência em tratamento de doenças infectocontagiosas no Brasil. O imunizante tomado por Maria Angélica foi CoronaVac, desenvolvido pelo laboratório chinês Sinovac e que é fabricado no Brasil pelo Instituto Butantan. Essa vacina tem eficácia geral de 50,38%, o que significa que o risco de pegar Covid-19 foi reduzido em 50%. Segundo a publicação, a médica explicou ainda que, para a vacinação atingir a eficácia máxima, é preciso que a pessoa tome as duas doses e respeite a ‘janela imunológica’, que é o período que o organismo leva para produzir os anticorpos do imunizante. “A garantia mesmo da proteção maior é após 20 dias da segunda dose. Então é importantíssimo que todas as pessoas tomem as duas doses (…) É importante que, mesmo as pessoas vacinadas, mantenham as medidas de proteção, de distanciamento e uso de máscara, até que a gente tenha 60 a 70% da população vacinada”.

Santaluz registra mais 2 óbitos e 20 novos casos positivos de Covid

Share Button

Foto: Reprodução

Santaluz registrou mais dois óbitos por complicações da Covid e 20 novos casos da doença, segundo boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde na noite desta segunda-feira (22). As vítimas fatais são duas mulheres, de 48 e 91 anos. Com a atualização, a cidade passa a contabilizar 1.964 pessoas infectadas e 28 óbitos desde o começo da pandemia. Segundo o boletim, também foram registradas 30 novas curas clínicas, chegando ao total de 1.722 pessoas recuperadas. Há ainda 214 pacientes com o vírus ativo e 119 suspeitas de infecção sendo investigadas no município.

Notícias de Santaluz

Prefeitura de Santaluz volta atrás três dias depois e resolve proibir venda de bebidas alcoólicas e fechar academias, clubes e quadras

Share Button

Foto: Notícias de Santaluz

Três dias após relaxar medidas de combate ao coronavírus (lembrar), a Prefeitura de Santaluz voltou atrás e suspendeu nesta segunda-feira (22) a determinação que possibilitava o funcionamento de bares de segunda a sexta, das 5h às 18h, e aos sábados entre 5h e 12h. O prefeito Arismário Barbosa Júnior assinou um novo decreto estabelecendo medidas mais rigorosas, entre elas a proibição da venda de bebidas alcóolicas em qualquer estabelecimento comercial da cidade, na modalidade presencial ou em sistema de delivery. Outra medida que o prefeito suspendeu foi a que permitia o funcionamento de academias, quadras, ginásios, centros desportivos e clubes sociais. O gestor também voltou atrás do aumento da lotação máxima permitida em igrejas e templos da cidade. Com isso, o limite de público voltou a ser de até 50 pessoas. Alinhado ao governo estadual, o município também determinou a ampliação do toque de recolher, que passa a valer entre 20h e 5h, a partir desta segunda-feira.

Clique aqui e confira a íntegra do novo decreto

Notícias de Santaluz



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia