WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Home . Inicio




Laboratório Checap

Adrivana Cunha - Hospital de Olhos

Império Store

Drogaria Santana

:: ‘Destaque1’

Policial militar da reserva é morto a tiros dentro de casa em Tucano; filha adolescente dele é apreendida suspeita de ser mandante do crime

Share Button

Por G1 BA

Foto: Reprodução

O sargento da reserva da Polícia Militar, Pedro Xisto Oliveira de Souza, foi morto a tiros dentro de casa, na Rua Ribeira do Pombal, Centro, Distrito de Caldas do Jorro, município de Tucano, região sisaleira da Bahia, na noite de sábado (8).

Uma adolescente de 15 anos, filha do sargento, foi apreendida no mesmo dia do crime, e é apontada pela polícia como mandante do assassinato.

O companheiro da adolescente, que não teve a identidade revelada, foi preso em flagrante, também por suspeita de envolvimento no crime. A Polícia Civil não divulgou a motivação para o assassinato do PM.

Segundo o coordenador da 25ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Euclides da Cunha), delegado Paulo Jason Mello, o crime teria sido executado por um homem que está sendo procurado pelas equipes.

Ele disse ainda que o namorado da adolescente contou detalhes de como ocorreu a morte do sargento. Segundo ele, o autor do crime entrou na casa, pegou a arma que pertencia ao PM e atirou nele. A quantidade de tiros, no entanto, não foi detalhada.

O namorado disse ainda que foi a adolescente que teria aberto a porta para que o autor do crime entrasse na residência e, além disso, mostrou onde a pistola estaria guardada.

A polícia informou que a adolescente será encaminhada ao Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA), para que sejam tomadas as medidas pertinentes. O namorado dela está à disposição da Vara Criminal.

A equipe da unidade expediu as guias periciais e está apurando a motivação do crime.

Bandidos invadem escola em Barreiras, agridem vigilante e roubam equipamentos; diretora estima prejuízo de R$ 10 mil

Share Button

Por TV Bahia

Foto: Reprodução/TV Bahia

Bandidos invadiram o Colégio Estadual de Barreirinhas (CEB), na cidade de Barreiras, oeste da Bahia, e roubaram equipamentos da unidade. O caso aconteceu na madrugada de domingo (9). Durante a ação, o grupo rendeu e agrediu o vigilante que estava no local. Apesar disso, ele não sofreu ferimentos graves. Os bandidos tiveram acesso ao colégio através do teto, após quebrarem o forro de PVC. Eles passaram pela diretoria da escola e por algumas salas de aula. Foram roubados notebooks, celulares, tablets e uma televisão de 50 polegadas. Segundo a diretora da unidade, o prejuízo ficou estimado em cerca R$10 mil. Além disso, ela informou que os equipamentos eram utilizados pelos alunos do colégio. No entanto, a unidade está fechada por causa da pandemia da Covid-19.

Festa com 2 mil pessoas é encerrada em Salvador: “inacreditável e assustador”

Share Button

Por Correio24horas

Foto: Divulgação

Cerca de 2 mil pessoas participaram de uma festa tipo paredão na madrugada de domingo (9) no bairro do Arenoso, em Salvador. A festa foi interrompida por fiscalização da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (Sedur), através da Operação Sílere, que dispersou a multidão. A equipe foi recebida a tiros, mas ninguém ficou ferido. Os agentes de fiscalização sonora e policiais militares e civis, que integram a operação, conseguiram contornar a situação, apreenderam seis equipamentos sonoros e dispersaram a multidão. “O que vimos neste sábado foi inacreditável e assustador. Em meio a uma pandemia, cerca de 2 mil pessoas reunidas sem nenhum protocolo. Mas, agimos de forma criteriosa e firme e conseguimos dar fim aquele absurdo”, afirmou a subcoordenadora de fiscalização sonora, Márcia Cardim.

Crianças têm baixa taxa de transmissão de Covid a adultos, diz Fiocruz

Share Button

Por O Globo

Professor com máscara médica verificando a temperatura das crianças na escola | Foto: Freepik

Após mais de um ano de pandemia, ainda não está totalmente esclarecido o papel das crianças na propagação do coronavírus. Mas um novo estudo de cientistas brasileiros e estrangeiros constata: elas têm maior probabilidade de serem infectadas por adultos do que de transmitirem a Covid-19 para eles — ou seja, menos chance de passar o vírus adiante. Informação preciosa, tanto para traçar estratégias de reabertura de escolas quanto para ampliação de planos de vacinação. Os pesquisadores investigaram a transmissão da Covid-19 na comunidade de Manguinhos, de maio a setembro de 2020, e mostram que todas as crianças que testaram positivo para o Sars-CoV-2 haviam tido contato com adultos ou adolescentes com sintomas de Covid-19. A coordenadora do estudo, Patrícia Brasil, chefe do Laboratório de Pesquisa Clínica em Doenças Febris Agudas do Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas, da Fiocruz, ressalta que os dados se referem a um momento diferente da pandemia, quando a variante P.1, mais transmissível e hoje dominante, ainda não havia surgido. O distanciamento social também era maior do que agora. “Ainda assim não faz sentido manter as escolas fechadas com o restante da economia aberta”, diz a cientista. “A vacinação dos profissionais de educação, no entanto, é essencial para a reabertura”, alerta. A pesquisa prossegue para investigar como ocorre a transmissão este ano, quando a pandemia se intensificou e novas variantes do coronavírus, principalmente a P1, estão em circulação.

Jovem é morto a tiros por encapuzados em distrito de Queimadas

Share Button

Foto: Redes Sociais

Joedson Souza dos Santos, conhecido também como ‘Bilico’, de 29 anos, foi morto a tiros na noite deste domingo (9), em frente a uma distribuidora de bebidas localizada na praça do distrito Riacho da Onça, pertencente ao município de Queimadas, na região sisaleira da Bahia. De acordo com relatos de populares, o jovem estava bebendo com colegas quando um carro branco encostou e um dos ocupantes – que estavam encapuzados – desceu do veículo efetuando vários disparos contra ele. Joedson morreu no local. Equipes da Polícia Militar e da Guarda Civil Municipal isolaram a área e acionaram o Departamento de Polícia Técnica (DPT) para realização da perícia e remoção do corpo. Não há informações sobre autoria nem a motivação do crime. Até a publicação desta matéria, nenhum suspeito havia sido identificado. A Polícia Civil deve investigar o caso.

Notícias de Santaluz

Santaluz tem 95 casos ativos de Covid e 143 suspeitas de infecção sendo investigadas

Share Button

Foto: Freepik

Santaluz registrou cinco novos casos de Covid-19, de acordo com o boletim divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde na noite de sábado (8). A cidade contabiliza agora 2.557 diagnósticos positivos da doença desde o começo da pandemia. Também foram registradas vinte curas clínicas, chegando a 2.429 o total de pessoas recuperadas. Ao todo, 95 pessoas estão com o vírus ativo e outras 143 aguardam resultados de exames.

Notícias de Santaluz

Menino de 7 anos junta dinheiro com venda de ‘geladinhos’ e doa cestas básicas para famílias carentes na Bahia

Share Button

Por G1

Samuel Soares juntou dinheiro com venda de ‘geladinhos’ e doou cestas básicas para famílias carentes | Foto: Arquivo Pessoal

O pequeno Samuel Soares, de 7 anos, surpreendeu a família quando disse que queria vender “geladinhos” na cidade de Caetité, no sudoeste da Bahia. A ideia do garoto foi aceita pelos pais quando ele revelou o motivo: gastar o dinheiro das vendas com cestas básicas para famílias carentes.

“Eu vi muitas pessoas precisando de comida, precisando comer e eu fui lá e pedi para minha mãe fazer o geladinho e vender para poder doar”, disse o garoto Samuel Soares.

A ideia de Samuel foi bem aceita pelos pais do garoto, o casal de fotógrafos Amilton Miranda e Simone Soares. O pai do menino confessou que se sentiu surpreso inicialmente.

“Eu fiquei surpreso, porque eu não entendi. Eu fiquei perguntando a ele onde teve essa ideia, onde ele viu isso. ‘Não pai, eu só queria ajudar’. E eu achei interessante porque a gente aqui em casa nunca tinha feito uma ação dessa”, contou Amilton Miranda.

Segundo Simone Soares, o menino primeiro não contou qual era o motivo da inusitada venda dos geladinhos. Os pais, preocupados, disseram que ele não tinha idade para vender o lanche, mas Samuel não desistiu.

“Ele pediu, falou comigo e meu esposo, que queria vender geladinhos. Aí, no primeiro momento, a gente explicou para ele que ele é muito novo, que ele não ia saber vender geladinho, fazer troco, só que ele continuou insistindo”, disse Simone Soares.

Se a ideia não foi aceita pelos pais, Samuel apelou e foi contar para a avó, Maria do Carmo Soares. Como ele já esperava, surgiu o primeiro apoio e ele ganhou o isopor para colocar os geladinhos.

“Ele comentou com a minha mãe e ela comprou o isopor. Ele continuou insistindo e eu falei: ‘Eu faço o geladinho, mas só se você me falar qual a finalidade do dinheiro’. Aí ele me falou: ‘Não mãe, eu quero ajudar as pessoas que não tem o que comer’. Aí não tem como dizer não, né?”, contou a mãe do garoto, que ao saber qual era a intenção do filho, aceitou o pedido.

A ideia de Samuel surgiu no final de fevereiro e a família passou dois meses vendendo “geladinhos gourmet”, uma espécie de sorvetes de frutas ou chocolates, batidos com leite, armazenados em sacos plásticos. Sucesso em Caetité.

Cestas básicas montadas por Samuel e os pais | Foto: Arquivo Pessoal

Ao G1, a fotógrafa contou que a ideia inicial era divulgar a venda dos geladinhos apenas nos grupos de aplicativo de mensagem da família. O “negócio” do Samuel cresceu mais um pouco e ganhou até um ponto fixo, a barraquinha da avó, na feira orgânica, que funciona na cidade, toda quinta-feira.

“Eu fiz os geladinhos, só coloquei no grupo da família porque meus pais moram na zona rural, falando da iniciativa dele, quem quisesse colaborar, para quem seria e aí levamos pra roça, vendemos o geladinho e o pessoal colaborou”.

“Minha mãe vende produtos orgânicos na feirinha que tem toda quinta-feira na cidade e ela falou: ‘Leva para barraquinha para a gente vender’. A gente contava a história para o pessoal e eles se sensibilizavam”, contou.

Simone Soares também contou mais um esforço do filho para vender os geladinhos. Samuel chegou a pegar a bicicleta dele e tentou vender na rua onde mora, no bairro Santa Terezinha. “Ao lado da minha casa tem uma oficina e ele saiu falando que estava vendendo geladinho”.

Doações e ‘bilhete’

Bilhete escrito por Samuel é colocado junto com as cestas básicas | Foto: Arquivo Pessoal

Após vender os geladinhos, foi a vez do pai de Samuel colocar a mão na massa e ir comprar os alimentos. A estratégia da família era de fazer 10 cestas básicas, mas depois de comprar os alimentos, eles resolveram montar cinco, só que mais reforçada.

A escolha das famílias foi feita depois de uma conversa de Simone com a manicure. Ela revelou que não queria fazer doações para instituições, porque queria que as cestas básicas fossem entregues para pessoas que tivessem passando por vulnerabilidades e que não contam com ajuda.

“Ela [uma mulher que organiza um projeto de doações em Caetité] me passou o número e eu conversei. Falei que queria ajudar cinco famílias que precisavam mesmo. Muita gente precisa, mas tem aquelas que precisam mais, que são mais necessitadas”, disse a fotógrafa.

A mãe do menino ainda contou que último pedido do Samuel foi escrever bilhetes para as famílias que iam receber as cestas básicas.

“Ele falou: ‘Mãe, eu quero comprar um bilhetinho’. Tudo ideia dele. Aí eu falei que ele tinha que escrever cinco bilhetinhos iguais para colocar nas cestas”.

No bilhete, Samuel escreveu: “Oi, eu sou Samuel, tenho 7 anos. Deus abençoe sua vida” e desenhou um coração ao lado da frase.

As doações foram feitas para cinco famílias do bairro Escola Agrícola, no dia 20 de abril. O resultado: muita emoção. Samuel não entendeu de primeira, mas os pais dele explicaram que as lágrimas eram de felicidade.

“O pessoal já saía da casa chorando. O Samuel até questionou: ‘Por que que elas estão chorando, mamãe? Elas não ficaram felizes?’ Aí nós explicamos: ‘Não filho, claro que elas ficaram felizes. Elas estavam chorando de alegria’. Aí ele entendeu”, disse a mãe do garoto.

“Ele sempre teve esse negócio de compartilhar. Às vezes vai no mercado, se compra uma coisa para ele, aí ele fala: ‘Mãe, tem que comprar para o meu primo’. Já me pediu para comprar ração para os animais na rua”, conta Simone.

Apesar de Amilton ter contado que a família nunca tinha feito ações de doações desse tipo, a mãe de Simone lembrou que o filho “solta umas pérolas” às vezes.

“Samuel, apesar de ser criança, tem ideias bem maduras. Samuel é cheio de pérolas. No último natal, o pessoal estava recolhendo brinquedos para poder doar e eu expliquei para ele, ele separou os brinquedos e doou”, relembrou.

Após denúncias, PM e Guarda Municipal apreendem sons automotivos na zona rural de Queimadas

Share Button

Foto: Divulgação

Três sons automotivos do tipo conhecido como ‘paredão’ foram apreendidos na noite desta sexta-feira (7) no povoado Limpo dos Bois, zona rural de Queimadas, na região sisaleira da Bahia. As apreensões foram realizadas durante uma ação contra poluição sonora deflagrada pela Polícia Militar e Guarda Civil Municipal, após diversas denúncias ligadas a abuso de volume alto de som e aglomeração de pessoas, ato proibido em virtude da pandemia de Covid-19. Os sons automotivos ficaram apreendidos e os veículos em que os equipamentos estavam acoplados foram liberados. Ainda durante a ação, uma motocicleta foi retida por falta de documento de porte obrigatório.

Notícias de Santaluz

Santaluz tem 20 novos casos de Covid em 24h; total de ativos aumenta 71,8% em duas semanas

Share Button

Foto: Freepik

Santaluz registrou um crescimento de 71,8% nos casos ativos de Covid-19 em duas semanas. O aumento ocorreu entre o dia 23 de abril e esta sexta-feira, 7 de maio, segundo dados disponibilizados no boletim da Secretaria Municipal de Saúde. Hoje, a cidade contabiliza 110 pacientes com o vírus ativo. Duas semanas atrás eram 64. O boletim desta sexta mostra ainda que foram contabilizadas mais 20 pessoas infectadas pelo coronavírus nas últimas 24 horas, chegando ao total de 2.552 casos confirmados desde o começo da pandemia. Desses, 2.409 estão recuperados e 33 morreram. Há ainda 137 suspeitas de infecção sendo investigadas.

Notícias de Santaluz

Mãe e bebê de 10 meses são atropelados ao atravessar avenida na faixa de pedestres em Conceição do Coité

Share Button

Foto: Divulgação/Águia Resgate

Ysabella Batista Alaica, de 27 anos, e o filho dela, de 10 meses, foram atropelados no Centro de Conceição do Coité, região sisaleira da Bahia, na tarde desta sexta-feira (7). De acordo com informações da Brigada Voluntária Águia Resgate, as vítimas foram atingidas por um veículo enquanto atravessavam uma avenida na faixa de pedestres, próximo a um local onde há semáforos instalados. Uma mulher que conduzia o veículo teria se evadido do local e não foi encontrada até a publicação desta matéria. Mãe e filho sofreram ferimentos leves. Os dois foram socorridos pela Brigada Águia Resgate e levados para um centro médico. Ysabella foi atendida e liberada. Já a criança passou por exame de ultrassom e permaneceu internada em observação.

Notícias de Santaluz



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia