WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Home . Inicio




Laboratório Checap

Adrivana Cunha - Hospital de Olhos

Império Store

Drogaria Santana

Parabéns, Santaluz!

:: ‘Destaque1’

PM e Guarda Municipal cumprem mandado e trio é preso com pistola turca, revólver e drogas em Queimadas

Share Button

Foto: Divulgação

Dois homens, de 21 e 22 anos, e uma mulher de 27 anos foram presos na manhã desta terça-feira (13) em Queimadas, região sisaleira da Bahia, durante uma ação conjunta entre a Polícia Militar e a Guarda Civil Municipal. A polícia disse que no imóvel onde eles estavam, na localidade conhecida como Rua da Palha, foram apreendidos um revólver calibre 38, uma pistola de calibre 9mm, de fabricação turca, munições, porções de crack e maconha e R$ 1,3 mil em espécie. Ainda de acordo com a polícia, os agentes chegaram até o trio para cumprir um mandado de prisão contra um dos homens. O mandado foi expedido pela 1ª Vara Criminal, Juri e de Execuções Penais de Valença, cidade localizada no baixo-sul da Bahia, com base em crimes previstos nos artigos 157 e 121 do Código Penal (que tratam de roubo e homicídio, respectivamente). O trio foi preso em flagrante e encaminhado à delegacia da cidade.

Notícias de Santaluz

Jovem é preso com porções de maconha e cocaína em Conceição do Coité

Share Button

Foto: Divulgação/PM

Pedro Henrique Morais de Jesus, de 23 anos, foi preso com drogas em Conceição do Coité, região sisaleira da Bahia, na noite desta segunda-feira (12). De acordo com a Polícia Militar, uma equipe da Companhia de Emprego Tático Operacional (Ceto) fazia patrulhamento quando, no conjunto habitacional Mário da Caixa, avistou o suspeito que, ao perceber a presença dos policiais, dispensou uma mochila e tentou fugir em uma motocicleta modelo CB300, mas foi perseguido e alcançado. Conforme a PM, na sacola dispensada por ele foram encontradas porções de maconha e cocaína. O jovem foi encaminhado à central de flagrantes da Polícia Civil junto com o material apreendido.

Notícias de Santaluz

Suspeito de cometer roubos morre após confronto com a PM na zona rural de Valente

Share Button

Homem chegou a ser socorrido para o hospital da cidade, mas não resistiu | Foto: Tony Sampaio/ Informa Bahia

Um homem suspeito de praticar assaltos na zona rural de Valente, cidade localizada na região sisaleira da Bahia, morreu nesta segunda-feira (12) após ser baleado durante uma troca de tiros com a Polícia Militar. De acordo com a PM, equipes da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe) Nordeste e do pelotão de Valente foram até o povoado Lagoa do Canto, depois de denúncias de roubos. Ainda de acordo com a PM, ao perceber a presença das viaturas, o suspeito, que não teve a identidade divulgada, desceu da moto em que estava e atirou contra os militares, que revidaram. O homem foi atingido e chegou a ser socorrido para o hospital da cidade, mas não resistiu aos ferimentos. Com ele, conforme a PM, foram encontrados um revólver calibre 32, munições e 31 porções de maconha, além de uma balança de precisão e R$ 38 em espécie.

Notícias de Santaluz

Santaluz tem 209 casos ativos de Covid e 83 suspeitas de infecção sendo investigadas

Share Button

Foto: Freepik

Santaluz registrou mais vinte e seis casos de Covid-19 nesta segunda-feira (12), de acordo com o boletim divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde. A cidade contabiliza agora 3.452 diagnósticos positivos da doença desde o começo da pandemia. Também foram registradas cinquenta e quatro novas curas clínicas, totalizando 3.200 pessoas recuperadas. Ao todo, 209 pessoas estão com o vírus ativo e outras 83 aguardam resultados de exames. Há ainda dois óbitos sendo investigados por suspeita de Covid.

Notícias de Santaluz

Coité: Homem é morto a tiros dentro de carro em rodovia e dois são baleados durante tentativa de homicídio em borracharia

Share Button

Foto: Divulgação/Águia Resgate

Um assassinato e uma tentativa de homicídio foram registrados em pontos diferentes de Conceição do Coité, região sisaleira da Bahia, no fim da manhã desta segunda-feira (12). Os crimes aconteceram com poucos minutos de diferença.

De acordo com a polícia, o assassinato aconteceu nas imediações do contorno da BA-409 que liga o município à cidade de Serrinha. Um homem identificado como Danilo Mota Santana, que trabalhava com transporte alternativo, trafegava pela rodovia em um carro quando foi interceptado e alvejado dentro do veículo. Uma equipe da Brigada Voluntária Águia Resgate foi acionada, mas quando chegou ao local encontrou o homem já sem vida.

Foto: Redes Sociais

A tentativa de homicídio aconteceu em uma borracharia perto da estação rodoviária. Um jovem identificado como Mateus, que de acordo com a apuração inicial da polícia seria o alvo dos criminosos, foi atingido por disparos de arma de fogo. Outro homem que estava no local também foi baleado. A polícia acredita que ele tenha sido vítima de bala perdida. Ambos foram socorridos e encaminhados ao hospital da cidade. O estado de saúde deles é desconhecido.

A polícia ainda não sabe dizer se há relação entre os crimes, mas informou que Danilo e Mateus têm passagens pela delegacia local.

Notícias de Santaluz

Homem é morto a tiros em Riacho da Onça, distrito de Queimadas

Share Button

Foto: Redes Sociais

Darlei dos Santos Lima, de 39 anos, foi morto a tiros na noite deste domingo (11), no distrito Riacho da Onça, zona rural do município de Queimadas, região sisaleira da Bahia. O crime aconteceu próximo à base da Guarda Civil Municipal (GCM). Um agente da corporação relatou que por volta de meia-noite ouviu ao menos três estampidos e barulho de escapamento de moto e logo em seguida foi informado por populares de que uma pessoa tinha sido baleada. Uma guarnição da GCM foi até o local e encontrou a vítima caída na calçada em frente à uma distribuidora de bebidas. Conforme a Guarda Municipal, a Polícia Militar foi avisada e acionou uma equipe do Departamento de Polícia Técnica (DPT), que removeu o corpo para necropsia. Ainda não há informações sobre autoria e motivação do crime. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil.

Notícias de Santaluz

Mulher que vivia em regime de escravidão doméstica há 50 anos em Salvador não tinha nem energia elétrica

Share Button

Por Fantástico

Após viver em regime de escravidão, Leda se dedica à costura | Foto: Reprodução/Fanstástico

“Eu trabalhava muito, como se fosse um adulto”, lembra Leda Lúcia dos Santos, de 61 anos. Filha de uma família muito pobre, ela foi entregue pela mãe aos 10 para morar com Hildete Pimenta Rocha, que na época era professora do ensino fundamental. Depois disso, nunca mais reencontrou os parentes. E nem estudou ou brincou.

Para o Ministério Público do Trabalho, Leda vivia em regime de escravidão doméstica. Por 50 anos, trabalhou para a família de Hildete sem receber salários.

“Eu não sabia sair na rua sozinha. Só vim aprender a sair na rua sozinha quando eu estava com quantos anos, meu Deus do céu? Foi com 29 ou 30″, diz Leda

A única distração era o artesanato, que ela teve que abandonar, segundo contou ao MPT, quando a patroa mandou cortar a eletricidade do quartinho dela, há um ano.

“Não podia nem ligar o rádio”, conta.

A costura agora ajuda Leda a esquecer o passado. “A amenizar mais as coisas ruins… A esquecer algumas coisas de agressão, agressão de palavras”, diz ela, que foi levada para uma casa de acolhimento da Prefeitura de Salvador que recebe mulheres vítimas de violência doméstica e de outros crimes, e que precisam de acompanhamento de psicólogas e assistentes sociais.

Hildete assinou termo de ajustamento de conduta com o MPT. Ela se dispôs a pagar a Leda um salário mínimo por mês até que a casa onde mora seja vendida. Parte do dinheiro vai pra Leda, como indenização. O advogado de Hildete explica por que a família nunca pagou salário a Leda:

“A família não a via como uma profissional do lar, não a via como empregada doméstica, e o motivo de ela não receber salário era em função disso”, afirma Meisson Rodrigues.

“Imagine que no seu seio familiar tenha uma pessoa que considere da sua família. O senhor vai pagar um salário para ‘uma’ ente da sua família?”, diz o advogado ao repórter.

O trabalho escravo doméstico pode estar logo ao lado, alerta Italvar Medina, vice-coordenador nacional de erradicação de trabalho escravo. “Por exemplo, quando aquela empregada mal sai de casa, quando ela tem uma jornada extremamente longa, quando há a informação de que ela não recebe remuneração por aquele trabalho, quando ela é impedida de se comunicar com os vizinhos. A gente sempre precisa de denúncias para fazer as fiscalizações”.

Cabe só uma candidatura entre Bolsonaro e Lula, diz cientista político

Share Button

Ciro Gomes, Sergio Moro e João Doria são os três mais bem posicionados entre as candidaturas de centro, segundo pesquisa CNT/MDA | Imagens: Reprodução

Um dos principais entusiastas do lançamento de uma terceira via a Jair Bolsonaro e Luiz Inácio Lula da Silva, o cientista político Luiz Felipe D’Avila afirma que há um espaço claro para uma candidatura de centro competitiva no Brasil, mas para apenas uma. As informações são da revista Veja.

“Só tem chance de prosperar se for um nome, senão esse apoio vai se pulverizar entre os 20% e 30% que não estão com Bolsonaro nem Lula. A questão agora é bucar o pragmatismo político junto com o espírito público”, diz D’Avila, que mediou na semana passada um encontro de presidenciáveis de centro, com a presença do governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), e os ex-ministros Luiz Henrique Mandetta (DEM) e Ciro Gomes (PDT). Além desses três pré-candidatos, também disputam o cetro da terceira via o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), e o ex-juiz e ex-ministro Sergio Moro.

Segundo pesquisa CNT/MDA divulgada no dia 5 de junho, 30,1% dos entrevistados disseram que gostariam que nem o atual presidente [Bolsonaro] nem o petista [Lula] fossem eleitos em 2022 – é nesse contingente que o centro aposta suas fichas.

Para D’Avila, diferente de 2018, que se caracterizou por ser um pleito quase plebiscitário sobre quem teria mais chances de tirar o PT do poder, a eleição de 2022 será marcada pela polarização entre o antibolsonarismo e o antipetismo.

“Tem mais chances quem for capaz de agregar esse centro. Não adianta tentar forçar o partido a ter candidatura que se mostra inviável, porque as legendas estarão mais preocupadas em eleger deputados e senadores por causa do fundo partidário”, avalia. “O mundo está cansado do populismo e radicalismo, pois eles não entregam o que a população quer, que é emprego e investimento”, completa o cientista político.

Salvador e região metropolitana registram 18 homicídios no final de semana

Share Button

Por G1 BA e TV Bahia

Foto: Divulgação/SSP

Salvador e região metropolitana registraram 18 homicídios durante o fim de semana, segundo boletim da Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA), atualizado até as 5h40 desta segunda-feira (12). Todos os mortos são homens.

Desses crimes, seis ocorreram na região metropolitana, nas cidades de Camaçari (2), Simões Filho (1), Lauro de Freitas (2) e Dias D’Ávila (1). Os outros 12 ocorreram em Salvador, em bairros como Cidade Nova, Alto de Coutos, Tancredo Neves e Rio Vermelho.

Por meio de nota, a SSP informou que a Polícia Civil investiga os casos e que, naqueles onde a motivação é a disputa entre organizações criminosas, a Polícia Militar amplia as ações ostensivas.

Conforme levantamento feito pela reportagem da TV Bahia, em números, esse foi o terceiro fim de semana mais violento do ano, junto com o fim de semana dos dias 17 e 18 de abril, quando também foram contabilizadas 18 mortes em Salvador e região metropolitana.

Em segundo lugar, está o fim de semana dos dias 13 e 14 de março, com 19 assassinatos registrados. E em primeiro, está o fim de semana dos dias 20 e 21 de fevereiro, quando foram registrados 22 assassinatos.

Polícia Militar e Guarda Municipal encerram torneio de futebol feminino com cerca de 200 pessoas na zona rural de Santaluz

Share Button

Foto: Divulgação

Um torneio feminino que estava sendo realizado no povoado Aracati, zona rural de Santaluz, na região sisaleira da Bahia, foi encerrado durante ação conjunta entre a Polícia Militar e Guarda Civil Municipal (GCM) neste sábado (10).

Os agentes chegaram ao local, segundo a GCM, após denúncia anônima informando sobre a realização do evento esportivo, com venda de bebida alcoólica, e se depararam com cerca de 200 pessoas aglomeradas, sem seguir nenhum tipo de protocolo de prevenção à Covid-19, a exemplo do uso de máscaras. O evento foi encerrado e a aglomeração dispersada.

Foto: Divulgação

Um decreto vigente no município proíbe a realização de campeonatos e jogos festivos, em qualquer dia da semana, além da abertura de bares aos sábados e domingos.

Boletim

Santaluz registrou 38 novos casos de Covid-19 neste sábado, de acordo com boletim divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde. De acordo com o informativo, também foram contabilizados 52 curas clínicas e 2 óbitos por suspeita da doença. O município ainda tem 237 casos ativos e 117 suspeitas de infecção sendo investigadas.

Notícias de Santaluz



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia