WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Home . Inicio






Laboratório Checap

drogaria_santana

:: ‘Destaque2’

Sem apresentar provas, Bolsonaro diz que houve fraude eleitoral e que foi eleito no 1º turno

Share Button

Por Folha de S.Paulo

Foto: Marcos Corrêa/PR

Foto: Marcos Corrêa/PR

Sem apresentar provas, o presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta segunda-feira (9) que houve fraude eleitoral em 2018 e que foi eleito no primeiro turno. Segundo o presidente, é preciso aprovar um sistema seguro de apuração de votos no Brasil e que, se bobear, a esquerda pode voltar ao poder em 2022. A declaração foi feita durante um evento com apoiadores brasileiros em Miami, onde o presidente escalou seus embates e minou mais uma vez sua relação com o Congresso, a imprensa e, desta vez, com a Justiça Eleitoral. “Pelas provas que tenho em minhas mãos, que vou mostrar brevemente, eu fui eleito no primeiro turno mas, no meu entender, teve fraude”, disse Bolsonaro. “E nós temos não apenas palavra, temos comprovado, brevemente quero mostrar, porque precisamos aprovar no Brasil um sistema seguro de apuração de votos. Caso contrário, passível de manipulação e de fraudes. Então acredito até que eu tive muito mais votos no segundo turno do que se poderia esperar, e ficaria bastante complicado uma fraude naquele momento.” Essa é a primeira vez que Bolsonaro fala que tem provas da fraude eleitoral desde que ocupa o Palácio do Planalto. Em outubro de 2018, o então candidato do PSL fez um pronunciamento na internet no qual disse suspeitar que só não havia vencido Fernando Haddad (PT) no primeiro turno devido a fraudes nas urnas eletrônicas.

Ao lado de Bolsonaro, Trump não promete deixar de sobretaxar Brasil

Share Button

Por Folhapress

Foto: Alan Santos/PR

Foto: Alan Santos/PR

Ao lado do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), Donald Trump afirmou no sábado (7) que não faz promessas sobre o aumento de tarifas aos produtos brasileiros. Antes do jantar em Mar-a-Lago, resort do presidente americano perto de Miami, Trump fez uma aparição rápida diante de jornalistas ao lado de Bolsonaro. Elogiou o brasileiro mas não se comprometeu quando o assunto era o aumento de impostos dos produtos que chegam do Brasil. “Ele [Bolsonaro] está fazendo um ótimo trabalho. O Brasil o ama e os EUA o amam. Nós temos uma ótima relação e sempre ajudamos o Brasil, provavelmente a relação está muito mais forte do que nunca”, afirmou Trump. Questionado por um repórter se isso significaria que os EUA não sobretaxariam mais uma vez os produtos do Brasil, o americano respondeu: “não faço nenhuma promessa.” Bolsonaro, que não fala inglês, não estava acompanhado de um tradutor no momento. No ano passado, os Estados Unidos haviam colocado tarifas sobre o aço e o alumínio brasileiro, mas voltaram atrás em dezembro.

Criança é morta a tiros em frente a bar na Bahia; padrasto seria alvo do ataque

Share Button
Foto: Blogbraga/Repórter Paiva

Foto: Blogbraga/Repórter Paiva

Uma criança de 5 anos foi morta com quatro tiros em frente a um bar no bairro Barreiras I, na cidade de Barreiras, oeste da Bahia. O crime aconteceu na tarde de domingo (8). Segundo testemunhas que presenciaram o ataque, dois homens chegaram em uma moto e um deles desceu e efetuou diversos tiros na direção de um homem, que seria o padrasto da criança. De acordo com informações da TV Oeste, o suposto alvo do crime conseguiu correr e a criança, que estava com a mãe, foi atingida com dois tiros na cabeça e dois no braço. Ela morreu na hora. A menina foi identificada como Anny Heloísa de Oliveira Alves. A mãe dela passou mal e precisou ser socorrida pelo SAMU. Após o crime, policiais saíram em diligência em busca dos suspeitos. Um deles foi encontrado e levado para delegacia. A Polícia Civil vai investigar a autoria do crime, que pode ter sido motivado por vingança. O assassino seria um desafeto do padrasto da criança.

Sem dar detalhes, Bolsonaro diz que passará por nova cirurgia

Share Button
Bolsonaro é entrevistado pelo humorista Carioca durante quadro do Domingo Espetacular, na Record | Foto: Reprodução

Bolsonaro é entrevistado pelo humorista Carioca durante quadro do Domingo Espetacular, na Record | Foto: Reprodução

Em entrevista ao programa Domingo Espetacular, da TV Record, exibida neste domingo (8), Jair Bolsonaro afirmou que terá que passar por nova cirurgia. O presidente já passou por quatro procedimentos cirúrgicos desde que foi vítima de uma facada, durante a campanha eleitoral de 2018. Segundo a Folha de S.Paulo, Bolsonaro participou de um quadro com o humorista Márvio Lúcio dos Santos Lourenço, conhecido como Carioca, que estava caracterizado como o presidente. “Vai ter mais uma cirurgia final agora. Deve ser a última”, disse Bolsonaro, sem dar detalhes sobre quando seria o procedimento ou por que razão seria necessário.

Argentina registra a primeira morte por coronavírus na América Latina

Share Button
Mulher usa máscara no aeroporto de Buenos Aires para se proteger do coronavírus | Foto: Reuters

Mulher usa máscara no aeroporto de Buenos Aires para se proteger do coronavírus | Foto: Reuters

A Argentina confirmou neste sábado (7) a primeira morte no país por Covid-19, a doença causada pelo novo coronavírus. A vítima também é a primeira da América Latina. Segundo o G1, o homem que morreu tinha 64 anos e morava em Buenos Aires. No mês passado, ele viajou para a Europa e regressou para a Argentina em 25 de fevereiro. De acordo com o Ministério da Saúde do país, a vítima tinha doenças preexistentes – diabetes, bronquite, hipertensão e insuficiência renal – que agravaram o quadro. Ele apresentou os primeiros sintomas em 28 de fevereiro e foi internado na quarta (4). A Argentina confirmou outros nove casos da doença: sete na capital, um na província de Buenos Aires e outro em Córdoba. O número global de notificações de infecção pelo coronavírus é de 105.400 casos, com 3.557 óbitos, em 95 países e territórios – aponta o levantamento do jornal The New York Times neste sábado, com base nos últimos dados de fontes oficiais..

Sesab confirma segundo caso do novo coronavírus na Bahia

Share Button
Secretaria de Saúde da Bahia confirma segundo caso de coronavírus no estado | Foto: Reprodução/Redes Sociais

Secretário de Saúde da Bahia confirma segundo caso de coronavírus no estado | Foto: Reprodução/Redes Sociais

A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) confirmou neste sábado (7), o segundo caso do novo coronavírus (Covid-19) na cidade de Feira de Santana. Trata-se de uma mulher de 42 anos, trabalhadora doméstica, que teve contato domiciliar com a primeira paciente do estado com COVID-19, quando esta ainda não apresentava os sintomas da doença. Diferente do caso original, cujo contágio inicial foi na Itália, o novo caso trata-se de uma transmissão local do vírus, sendo agora considerado circulante no estado. Cabe ressaltar que as duas pacientes vinham sendo monitoradas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA) em conjunto com a Vigilância Municipal de Feira de Santana. Atualmente ambas se encontram em isolamento domiciliar, adotando todas as medidas de precaução de contato e evoluem clinicamente bem. As amostras foram coletadas na residência e analisadas pelo Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia (Lacen-BA), que a partir de hoje está autorizado a realizar os exames para detectar diretamente o Covid-19, sem necessidade de contraprova em laboratório de referência nacional. O resultado confirmando o diagnóstico foi concluído na tarde de deste sábado. O primeiro caso importado do novo coronavírus (Covid-19) na Bahia foi o de uma mulher de 34 anos, residente nem Feira de Santana, que retornou da Itália em 25 de fevereiro, com passagens por Milão e Roma, onde aconteceu a contaminação. A paciente veio manifestar os sintomas depois de ter chegado ao Brasil.

Notícias de Santaluz

Lewandowski arquiva pedido de impeachment do ministro da Educação

Share Button

Por G1 e TV Globo

O ministro da Educação, Abraham Weintraub | Foto: Wilson Dias/Agência Brasil

O ministro da Educação, Abraham Weintraub | Foto: Wilson Dias/Agência Brasil

O ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), arquivou nesta quinta-feira (5) o pedido de impeachment do ministro da Educação, Abraham Weintraub, feito por um grupo de 17 deputados e dois senadores. Os parlamentares queriam a abertura de um processo por crime de responsabilidade, sob o argumento de que Weintraub apresenta “eloquente ineficiência” na gestão. Um dos pontos diz respeito às dotações orçamentárias ligadas à educação de jovens e adultos – a execução das verbas, segundo dados oficiais, foi de menos de 1% até novembro de 2019. Segundo o pedido, isso indicaria a “descontinuidade das políticas destinadas para este fim”. Os parlamentares também afirmaram que o ministro feriu a dignidade e o decoro do cargo em outros momentos. O ministro Lewandowski não chegou a se manifestar sobre esses argumentos porque, segundo ele, somente a Procuradoria-Geral da República (PGR) pode apresentar denúncias ao Supremo Tribunal Federal contra ministros de Estado. “Isso porque, no caso de crimes de responsabilidade autônomos contra Ministros do Estado, sobressai indene de dúvida tratar-se, sob a ótica dos atributos processuais para o exercício da jurisdição, de ação penal pública, cuja titularidade é do Ministério Público”, afirmou. “Em outras palavras, verifico que não é possível estender aos cidadãos a possibilidade de deflagar, perante esta Suprema Corte, o processo de impeachment contra Ministros de Estado.”

Economia está acelerando levemente, diz Paulo Guedes

Share Button

Por Folhapress

Foto: Marcos Corrêa/PR

Foto: Marcos Corrêa/PR

O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou nesta quarta-feira (4) que a economia brasileira está acelerando lentamente à espera de reformas. Para ele, a alta de 1,1% do PIB (Produto Interno Bruto) em 2019 veio dentro do previsto. Para este ano, Guedes espera que o crescimento da economia fique acima de 2%, mesmo com os efeitos adversos provocados pelo surto mundial do novo coronavírus. Apesar da fala otimista, a projeção oficial do governo para PIB de 2020, atualmente em 2,4%, deve ser revisada para baixo. “A economia está acelerando lentamente esperando as reformas. A medida que as reformas vão acontecendo, e elas serão implementadas, o Brasil vai reacelerando”, disse o ministro. Segundo ele, a estratificação do resultado do IBGE por período mostra que o desempenho do indicador foi ganhando força ao longo do ano.

Fotógrafa leva susto ao encontrar jacaré de mais de 1 metro na cozinha de casa

Share Button
Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

A fotógrafa e influenciadora digital Mara Rejane levou um susto, na noite desta terça-feira (3), ao ir até a cozinha de casa, em Rio Branco, no Acre, e se deparar com um jacaré de mais de um metro no meio do cômodo. Mara conta que estava em casa com o marido, quando ele foi na cozinha e voltou dizendo que tinha encontrado o animal. O jacaré, segundo ela, ficou parado e não estava agressivo. Todo o susto e resgate foram transmitidos por meio do perfil dela no Instagram, onde o episódio ganhou até um destaque nomeado como “Tody, o Jacaré”. Ao G1, ela contou que não acreditou quando o marido disse que o animal estava na cozinha e chegou a achar que ele estava fazendo uma brincadeira com ela. Muita gente acompanhou toda a saga pelas redes sociais de Mara. “Eu tinha ido um pouco antes lá na cozinha e não tinha visto nada. Até que meu marido, por volta das 8h da noite, foi lá, viu, e me chamou. Ele [jacaré] estava imóvel, parecia um boneco. No primeiro momento nem fui perto, mas achei que fosse um boneco, uma brincadeira”, relembra. Mara disse que não chamou o Corpo de Bombeiros, mas contou com a ajuda de um vizinho, que é policial e possuía as técnicas necessárias para resgatar o bicho sem machucá-lo.

Paraná registra epidemia de dengue; 30 pessoas morreram

Share Button

Por G1 PR

Aedes aegypti | Foto: Rodrigo Méxas e Raquel Portugal/Fundação Oswaldo Cruz/Divulgação

Aedes aegypti | Foto: Rodrigo Méxas e Raquel Portugal/Fundação Oswaldo Cruz/Divulgação

O Paraná entrou em estado de epidemia de dengue, de acordo com o boletim da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) divulgado nesta terça-feira (3). O número de mortes subiu de 23 para 30 em uma semana. Para se configurar uma epidemia de dengue, é necessário ter mais de 300 casos da doença por 100 mil habitantes. A incidência da doença no Paraná é de 336,21 por 100 mil habitantes, segundo o boletim. Conforme a Sesa, no total, 106 municípios estão em epidemia, 15 a mais que na semana anterior. Em situação de alerta para a dengue estão 47 municípios, sendo que 14 entraram para a relação a partir desta terça-feira. De acordo com o levantamento, são 44.441 casos confirmados da doença. O boletim epidemiológico reúne dados coletados desde julho de 2019.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia