WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Home . Inicio




Laboratório Checap

Adrivana Cunha - Hospital de Olhos

Império Store

Drogaria Santana

:: ‘Notícias’

Carro com quatro pessoas de Santaluz capota na BA-120, em Valente; ninguém se feriu

Share Button
Foto: Notícias de Santaluz

Foto: Notícias de Santaluz

Um carro modelo Siena com quatro pessoas de Santaluz capotou na manhã desta segunda-feira (2) na rodovia BA-120, trecho da cidade de Valente, na região sisaleira da Bahia.

O Notícias de Santaluz apurou que o condutor do veículo perdeu o controle da direção ao passar por um buraco no asfalto. O automóvel capotou, saiu da pista e só parou no matagal.

Foto: Notícias de Santaluz

Foto: Notícias de Santaluz

Ninguém se feriu, mas, por precaução, as vítimas, todas do sexo masculino, foram atendidas no hospital local, onde ficaram em observação.

Notícias de Santaluz

Manifestantes protestam em São Paulo contra imunização obrigatória da Covid-19 e vacina chinesa

Share Button

Por Reuters

Foto: REUTERS/Amanda Perobelli

Foto: REUTERS/Amanda Perobelli

Mais de 300 pessoas se reuniram na Avenida Paulista neste domingo para protestar contra a defesa do governador do Estado de São Paulo, João Doria (PSDB), à imunização obrigatória contra a Covid-19 e contra a potencial vacina desenvolvida pela chinesa Sinovac, que será produzida pelo Instituto Butantan. Doria já defendeu tornar a vacinação obrigatória quando as vacinas estiverem disponíveis, o que levou a críticas do presidente Jair Bolsonaro, que prometeu que ela será voluntária. O presidente também vetou um acordo por meio do qual o Ministério da Saúde iria comprar 46 milhões de doses da vacina da Sinovac, a fim de ser incluída no Programa Nacional de Imunização. O caso foi parar no Supremo Tribunal Federal (STF), após a Rede Sustentabilidade pedir uma liminar para obrigar o governo federal a comprar a vacina produzida pelo Butantan. Em outra ação, o PDT quer que o Supremo garanta a competência de Estados e municípios de promover a vacinação obrigatória contra a Covid-19. Em São Paulo, a vacina da Sinovac está sendo testada como parte da fase 3 dos testes clínicos com suporte do governo de Doria e de instituições locais. O Brasil tem o terceiro maior número de infecções por coronavírus com 5,5 milhões de casos, depois de Estados Unidos e Índia.

Candidatas a prefeita e vice de Santaluz, Quitéria e Poliana participam de grande carreata

Share Button
Foto: Divulgação/Assessoria da campanha

Foto: Divulgação/Assessoria da campanha

As candidatas a prefeita e vice de Santaluz, respectivamente, Quitéria Carneiro e Poliana Nunes, ambas do PSD, participaram de uma grande carreata na cidade neste domingo (25). Em carros e motocicletas, os apoiadores das candidatas passaram por várias comunidades da zona rural, encerrando com um desfile por ruas e avenidas da sede do município, quando Quitéria e Poliana participaram do evento em carro aberto fazendo gestos de saudação para populares que acenavam como forma de apoio.

Foto: Divulgação/Assessoria da campanha

Foto: Divulgação/Assessoria da campanha

A carreata deste domingo fechou o cronograma de atos oficiais de campanha liberados na cidade. Um acordo feito entre as coligações, o Ministério Público e a Justiça eleitoral em razão da pandemia da Covid-19 prevê a proibição de comícios, passeatas, carreatas e caminhadas, entre outros eventos com potencial de promover grandes aglomerações de pessoas, a partir desta segunda-feira (26). Visitas aos bairros e comunidades poderão ser realizadas desde que respeitados limite de pessoas e normas sanitárias de proteção e distanciamento social.

Notícias de Santaluz

Mapa mostra intensificação de áreas com seca na Bahia

Share Button
Foto: Valdenio Vieira/PR

Foto: Valdenio Vieira/PR

Um mapa divulgado pela Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA) indica o aumento das áreas com seca nos estados de Alagoas, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Sergipe e Tocantins, além do Distrito Federal. A redução de áreas com o fenômeno aconteceu somente no Rio Grande do Sul. Três estados que passam por forte seca permaneceram com 100% de seus territórios com o fenômeno em setembro: Mato Grosso do Sul, Paraná e Santa Catarina.

Na Bahia, devido à piora nos indicadores de curto prazo, muito em função da temperatura acima da média, houve intensificação de áreas com seca no oeste do estado, que passaram à categoria de seca moderada. As demais áreas permaneceram com seca variando de fraca a grave. Também houve modificação da linha de impactos, que avançou para leste, onde são de longo prazo. No extremo sul baiano, os impactos são apenas de curto prazo, enquanto nas demais áreas eles são de curto e longo prazo.

Foto: Mateus Pereira/GOVBA

Foto: Mateus Pereira/GOVBA

Entre agosto e setembro, a área com seca na Bahia permaneceu estável no patamar de 68% – menor desde agosto de 2015 (61,7%). Já a severidade do fenômeno aumentou com a elevação do território com seca moderada de 17,85% para 21,87% do estado.

O Monitor de Secas é coordenado pela Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico, com o apoio da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), e desenvolvido conjuntamente com diversas instituições estaduais e federais ligadas às áreas de clima e recursos hídricos, que atuam na autoria e validação dos mapas. Por meio da ferramenta é possível comparar a evolução das secas nos 18 estados e no Distrito Federal a cada mês vencido.

Notícias de Santaluz

Mulher capota carro na BA-120 em Santaluz e sai ilesa

Share Button
Foto: Notícias de Santaluz

Foto: Notícias de Santaluz

Um carro modelo HB20 capotou nesta terça-feira (20), na BA-120, trecho de Santaluz, nas imediações da estrada que dá acesso ao povoado Junco. O carro saiu da pista, subiu em um barranco e só parou no matagal às margens da rodovia. 

De acordo com testemunhas, uma mulher que era a única ocupante do veículo não sofreu ferimentos. O automóvel, que seguia sentido Santaluz, ficou parcialmente destruído.

Foto: Notícias de Santaluz

Foto: Notícias de Santaluz

Uma ambulância de Santaluz foi acionada para atendimento, mas quando chegou ao local a mulher já tinha retornado para Queimadas, cidade onde reside.

A vítima, identificada como Daiane Perpétua, foi levada por um parente ao hospital do município, após se queixar de dor de cabeça. Em seguida, foi encaminhada para outra unidade em Riachão do Jacuípe, consciente e com quadro de saúde estável, para ser submetida a um exame de ressonância magnética.

As polícias Militar e Rodoviária Estadual disseram que não receberam chamado para registrar o acidente.

Notícias de Santaluz

Santaluz tem mais 12 curados do coronavírus, entre eles idoso de 92 anos

Share Button
Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Mais doze pessoas foram curadas da Covid-19 em Santaluz, nas últimas 48 horas, chegando ao total de 594 pessoas recuperadas da doença na cidade. Os novos curados são oito homens e quatro mulheres, com idade entre 01 e 92 anos. Dois novos casos da doença foram confirmados, sendo que ambos já estavam sendo investigados. Trata-se de um paciente do sexo masculino de 72 anos e uma do sexo feminino de 68 anos, residentes no centro da cidade e no povoado Sisalândia. Agora, Santaluz contabiliza 661 diagnósticos positivos de contaminação pelo novo coronavírus desde o começo da pandemia. Com a atualização, o índice de cura no município aumentou para 89,86% e o número de casos ativos da doença caiu para 55. Há ainda 25 suspeitas em investigação.

Notícias de Santaluz

MG tem 42 das 45 barragens de mineração interditadas no país

Share Button
Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Quarenta e cinco barragens de mineração estão interditadas no Brasil. Minas Gerais é o estado que tem mais estruturas proibidas de operar: 42. As demais estão no Amapá, Pará e Rio Grande do Sul. De acordo com a Agência Nacional de Mineração (ANM), das 436 barragens atualmente inseridas na Política Nacional de Segurança de Barragens, 391 possuem Declaração de Condição de Estabilidade, 38 entregaram declaração não atestando a estabilidade das estruturas e sete não enviaram declaração, o que segundo a ANM pressupõe não terem a estabilidade. Estas, além da interdição, serão priorizadas para fiscalização. As barragens construídas pelo método de montante correspondem ao maior grupo de estruturas interditadas (16). As demais são barragens construídas por etapa única (15), a jusante (10) e por linha de centro (4). A Declaração de Condição de Estabilidade da barragem deve ser entregue obrigatoriamente duas vezes ao ano: a primeira em março e a segunda em setembro. Caso o documento não seja entregue ou a avaliação conclua que a estrutura não tem estabilidade, a ANM determina a paralisação das operações.

Notícias de Santaluz

Prefeito de Valente terá que devolver mais de R$ 25 mil por pagar salários a servidora falecida

Share Button
Foto: Lucas Miranda/Divulgação/Prefeitura de Valente

Foto: Lucas Miranda/Divulgação/Prefeitura de Valente

O prefeito de Valente, na região sisaleira da Bahia, Marcos Adriano, foi multado em R$ 5 mil pelo Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), nesta quinta-feira (1), por ter feito pagamentos a uma servidora municipal já falecida. Além da multa, o relator do processo, conselheiro substituto Cláudio Ventin, determinou a formulação de representação ao Ministério Público Estadual para que seja apurada a prática de ato ilícito ou de improbidade administrativa. De acordo com o TCM, Marcos Adriano também terá que devolver aos cofres da prefeitura, com recursos pessoais, a quantia de R$ 25.986,37, valor pago indevidamente nos exercícios de 2017 a 2019. Conforme o TCM, a denúncia aponta que a servidora Zenildes Borges da Silva morreu em 19 de setembro de 2017 e, mesmo assim, seu nome permaneceu no quadro de servidores e na folha de pagamentos do município. A servidora ocupava a função de Auxiliar de Serviços Gerais III, vinculada à Secretaria Municipal de Educação, Cultura, Esporte e Lazer e era remunerada com um salário mínimo, acrescido de vantagens. Cabe recurso da decisão.

Notícias de Santaluz

Governo regulamenta crédito habitacional para famílias em assentamentos

Share Button

Por G1

Foto: Nilmar Lage/MST

Foto: Nilmar Lage/MST

O governo federal regulamentou nesta quarta-feira (30), em cerimônia no Palácio do Planalto, a oferta de crédito habitacional para famílias beneficiárias do Programa Nacional de Reforma Agrária (PNRA).

A expectativa do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) é emprestar, por meio do programa, até R$ 340 milhões ainda neste ano para a construção e reforma de casas de famílias assentadas.

As normas foram assinadas em um evento com o presidente Jair Bolsonaro, os ministros Tereza Cristina (Agricultura) e Onyx Lorenzoni (Cidadania) e o presidente da Caixa, Pedro Guimarães.

De acordo com o Ministério da Agricultura, serão liberados até R$ 34 mil por família para a construção de casas. Para reformas, o valor máximo do crédito será de R$ 17 mil.

Os recursos destinados à construção de residências poderão ser utilizados na compra de materiais, pagamentos de serviços de engenharia e na contratação de mão de obra.

Já o dinheiro para a reforma somente poderá ser usado para a aquisição de materiais e mão de obra.

A taxa efetiva de juros será de 0,5% ao ano, contados a partir da data da concessão do empréstimo. Quem receber o dinheiro terá prazo de três anos para o pagamento da dívida. O beneficiário receberá da instituição financeira um cartão magnético para movimentar os recursos.

Entre os requisitos para o recebimento do crédito, está a exigência de que o assentado esteja em situação regular na relação de beneficiários do sistema de informação do programa de reforma agrária.

Segundo o presidente do Incra, Geraldo Melo, a ideia é que os primeiros contratos de empréstimo sejam assinados em novembro.

As superintendências regionais do Incra deverão definir os assentamentos que terão prioridade na obtenção do empréstimo. Se forem constatadas irregularidades no uso do dinheiro, o beneficiário poderá responder penal, cível ou administrativamente.

Jovem é preso suspeito de estuprar criança de 11 anos na Bahia

Share Button
Foto: Getty Images

Foto: Getty Images

Um jovem de 25 anos foi detido, por mandado de prisão preventiva, pela suspeita de estuprar uma criança de 11 anos na cidade de Castro Alves, no Recôncavo Baiano. De acordo com o G1, a prisão foi feita na terça-feira (15), mas só foi divulgada na quarta (16). A Polícia Civil não detalhou como o crime foi descoberto, nem se o suspeito e a vítima têm alguma ligação familiar. O jovem, que não teve nome divulgado, foi encaminhado para o sistema prisional.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia