WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Home . Inicio




Laboratório Checap

Império Store

Drogaria Santana

:: ‘Destaque2’

PM descobre laboratório e apreende 500 kg de cocaína em Feira de Santana

Share Button
Foto: Divulgação/SSP

Foto: Divulgação/SSP

Meia tonelada de cocaína foi encontrada na tarde desta sexta-feira (22) durante ação conjunta da Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes e a Cipe Litoral Norte, na cidade de Feira de Santana. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), a droga foi localizada dentro de uma casa usada como laboratório de refino. Os policiais chegaram até um imóvel, que fica no distrito de São José, zona rural do município, após uma denúncia anônima. Na casa, as equipes localizaram 500 kg de cocaína, tanques, balanças, liquidificadores industriais, ventiladores, prensas hidráulicas e embalagens plásticas. Ninguém foi encontrado no local. O material apreendido foi apresentado na Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes.

Notícias de Santaluz

Prefeito de Salvador afirma que tendência é adiar carnaval em julho, mas espera vacinação para confirmar: ‘Prefiro aguardar’

Share Button

Por G1 BA

Foto: Reprodução/Redes Socias

Foto: Reprodução/Redes Socias

O prefeito de Salvador, Bruno Reis (DEM), afirmou em entrevista coletiva nessa sexta-feira (22), que a tendência é que o carnaval, que já havia sido adiado, não seja feito em julho. Apesar disso, ele preferiu não confirmar o adiamento e citou o cronograma das vacinas.

“O carnaval só poderá ocorrer após imunização em massa, após as três milhões de pessoas em Salvador serem vacinadas. Diante do cenário hoje, com o cronograma de vacina que temos, é fácil imunizar todo mundo até julho, para a gente realizar o carnaval? Se me perguntar qual é a tendência, eu digo que não é. Mas vai depender da vacina”, disse.

“A tendência é adiar, mas eu prefiro aguardar o desenrolar dos fatos, quais laboratórios vão produzir e a capacidade, para dar palavra concreta a carnaval. Mas a tendência é não ocorrer em julho”.

Em julho de 2020, o então prefeito ACM Neto já havia falado sobre a expectativa de realização do carnaval no mesmo mês de 2021. No entanto, as especulações sobre o novo adiamento surgiram depois que o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (DEM), descartou a realização dos festejos.

Sobre uma possível nova data, o prefeito Bruno Reis especulou o adiamento para o final do segundo semestre, mas deixou no ar que o carnaval talvez não seja realizado.

“Pode ocorrer em outubro ou pode ser que não tenhamos condição de realizar esse ano, por causa da vacinação das pessoas. É cedo para afirmar. Sem ter um cronograma exato da vacina, não dá para falar de carnaval”.

Recuperados da Covid-19 devem se vacinar a partir de 30 dias após ápice da infecção

Share Button
Vacina CoronaVac | Foto: Divulgação

Vacina CoronaVac | Foto: Divulgação

Diferente do que muitos possam imaginar, quem já esteve contaminado pelo novo coronavírus também deve tomar a vacina contra a Covid-19. É o que garante a infectologista Miralba Freire, presidente da Sociedade Baiana de Infectologia. Segundo ela, os anticorpos produzidos pela contaminação podem não ser suficientes para impedir uma reinfecção.

“Quem já teve Covid deve receber a vacina também, embora o tempo não esteja completamente definido. Tem sido sugerido fazer a vacina após pelo menos 30 dias do episódio agudo”, afirmou a infectologista, em entrevista ao Bahia Notícias.

A Secretaria Estadual da Saúde (Sesab) oficializou, no último dia 8 de janeiro, o primeiro caso de reinfecção pelo novo coronavírus na Bahia. Uma mulher de 45 anos, moradora de Salvador, esteve com Covid-19 em maio de 2020 e voltou a contrair o vírus cinco meses depois, em outubro, através de uma mutação identificada originalmente na África do Sul.

“À luz do conhecimento atual, a pessoa passará a ter risco de reinfecção a partir de 90 dias do primeiro episódio de Covid. Depois de 90 dias ele também está em risco, como todo mundo”, finalizou Miralba, para quem o mais aceito é promover a vacinação dos já recuperados da doença entre 30 e 90 dias após o ápice da infecção.

Conforme a última atualização da Sesab há duas semanas, na Bahia, além da reinfecção já confirmada, há ainda 118 casos suspeitos de reinfecção da Covid-19 sob investigação da Vigilância Epidemiológica do estado.

Justiça Federal determina criação de mais de 100 novos leitos de UTI’s em cidade da Bahia

Share Button

Por TV Sudoeste

Foto: Freepik

Foto: Freepik

A Justiça Federal determinou, nesta quinta-feira (21), a construção de 105 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em Vitória da Conquista, que possam atender a macrorregião do sudoeste da Bahia, em até 36 meses. Desde 2016, uma ação civil pública aponta insuficiência nas UTI’s e pede leitos para beneficiar a macrorregião sudoeste do estado. O município de Vitória da Conquista, o terceiro maior do estado, apresentou recurso da decisão judicial com o resultado da ação civil pública conjunta ajuizada pelo Ministério Público Federal (MPF) e também pela Defensoria Pública da Bahia. Além da construção, a Justiça Federal determinou a inauguração e também habilitação dos leitos de UTI na macrorregião sudoeste, sendo 80 para adultos e 25 para UTI’s pediátricas. A sentença judicial fixou um prazo de 12 meses para que a União, o Governo da Bahia e o município coloquem em funcionamento pelo menos 30% desses leitos, equivalente a 24 leitos adultos e oito pediátricos. O G1 disse que entrou em contato com a União, com o Governo da Bahia e com a prefeitura de Vitória da Conquista e aguarda o posicionamento dos órgãos sobre o caso.

Estradas da Bahia têm aumento de 35% nas infrações de não uso do cinto de segurança

Share Button

Por Bahia Notícias

Foto: Freepik

Foto: Freepik

Dados divulgados pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) nesta quarta-feira (20), revelam que entre 1° de janeiro a 31 de dezembro de 2020 foram emitidas 15.731 autuações pelo não uso do cinto de segurança nas rodovias federais da Bahia, o que representa um acréscimo de 35% em relação ao ano de 2019. Do total de autuações, 9.914 motoristas e 5.817 passageiros foram flagrados sem o cinto. A infração considerada grave pelo Código de Trânsito Brasileiro (CTB), gera multa no valor de R$195,23 além de cinco pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH). O equipamento de segurança é de uso obrigatório em todo território nacional há mais de duas décadas e, quando usado corretamente, evita que o ocupante seja arremessado contra as partes internas do automóvel, contra outros passageiros ou mesmo que seja projetado para fora do veículo. De acordo com a PRF, o uso do equipmaneto pode reduzir em mais de 40% o risco de morte me acidentes de trânsito.

Mourão nega impeachment, mas defende ‘freios’ se presidente arriscar o país

Share Button
Foto: Marcos Corrêa/PR

Foto: Marcos Corrêa/PR

O vice-presidente Hamilton Mourão admitiu que o governo federal cometou erros no combate à pandemia do novo coronavírus, mas não vê a necessidade de impeachment do presidente Jair Bolsonaro. “Se você botar numa coluna do nosso governo, você vai ver que teve mais acertos do que erros. Teve erros, que são sobejamente conhecidos. Mas vamos olhar, por que vamos fazer o impeachment? Vai chegar daqui ao ano que vem. E, se o governo dele não for bom, ele não será reeleito, caso seja candidato à reeleição. Porque ele pode chegar à conclusão: ‘não vai dar para mim’”, disse Mourão em entrevista ao Valor Econômico. “Agora, é óbvio que se um presidente colocar em risco a integridade do território, a integridade do patrimônio, o sistema democrático e a paz social do País, ele tem que ser parado pelo sistema de freios existente”, acrescentou. Na conversa, Mourão ainda comentou a postura diplomática do Brasil em relação à derrota de Donald Trump, nos Estados Unidos. “O que ficou para trás ficou para trás. Vamos zerar e buscar avançar a partir daqui”, afirmou.

Psol quer impedir Bolsonaro de incentivar uso de remédios sem eficácia contra Covid-19

Share Button

Por Bahia Notícias

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

O Psol quer a proibição de veiculação de qualquer informação que incentive o uso de medicamentos sem comprovação cientifica como forma de tratamento precoce contra a Covid-19 por parte do governo Bolsonaro. Para isso, o partido ingressou, nesta terça-feira (19), em uma ação que já tramita no Supremo Tribunal Federal (STF). A intenção é barrar incentivos de uso de medicamentos como cloroquina, nitazoxanida, hidroxicloroquina e ivermectina. O pedido foi adicionado à ADPF 756, que versa sobre a obrigação de o governo Federal proceder à vacinação contra o coronavírus. O relator é o ministro Lewandowski. Outro pedido do partido é que o governo de Jair Bolsonaro seja constrangido a começar imediatamente a campanha dos benefícios da vacinação contra a covid-19. Para o PSol, “é inaceitável que o governo continue opondo tratamento precoce à vacinação. Não há medicamentos com efeitos comprovados contra a Covid-19. É hora de dar um ponto final à desinformação do governo Bolsonaro”. A legenda alega que, em meio a uma nova onda de covid-19, a prefeitura de Manaus foi pressionada pelo Ministério da Saúde do governo Jair Bolsonaro a distribuir remédios sem eficácia comprovada para tratar seus pacientes, como cloroquina e ivermectina. O resultado trágico, ressaltou o partido, foi a falta até de oxigênio para o tratamento dos casos mais graves da doença na cidade. No Supremo, as indicações de medicamentos por Bolsonaro já foram alvo críticas. Em maio do ano passado, em sessão jurisdicional, o ministro Gilmar Mendes foi categórico ao dizer que não se pode sair aí “a receitar cloroquina e tubaína”.

Plantação com 30 mil pés de maconha é destruída pela PM em Campo Formoso

Share Button
Foto: Divulgação/SSP

Foto: Divulgação/SSP

Trinta mil pés de maconha foram erradicados em Campo Formoso, cidade do norte da Bahia, na tarde de segunda-feira (18). De acordo com informações da Secretaria Estadual de Segurança Pública (SSP), policiais da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe) Caatinga, com o apoio da 54ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM/Campo Formoso), encontraram o plantio na localidade de Lagoa Nova. A unidade utilizou um Drone para encontrar a plantação. Segundo o comandante da Cipe Caatinga, major Adriano Souza Dias, a maconha foi incinerada e uma quantidade encaminhada para a Delegacia Territorial de Senhor do Bonfim. “É um trabalho incessante entre as polícias Militar, Civil e Federal, estamos unidos para tirar esse poder do tráfico”, afirmou o major.

Notícias de Santaluz

Cerca de cinco mil porções de drogas e uma granada são encontradas enterradas na Bahia

Share Button

Por G1 BA

Foto: Divulgação / SSP-BA

Foto: Divulgação / SSP-BA

Cerca de cinco mil porções de drogas e uma granada foram encontradas enterradas na manhã deste domingo (17), na cidade de Simões Filho, que fica na região metropolitana de Salvador. A informação foi divulgada pela Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA). As drogas e a granada foram encontradas por equipes da 22ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM) após uma perseguição a integrantes de um grupo criminoso. Os militares do Pelotão de Emprego Tático Operacional (Peto) receberam uma denúncia sobre traficantes, na localidade Recanto do Sol. Durante incursão houve confronto e os criminosos conseguiram fugir. A SSP informou que os policiais perceberam que parte do solo estava remexida e decidiram escavar o local. Enterrados foram localizados uma granada, três mil pinos e sete tabletes de cocaína, 1.820 buchas e 43 tabletes de maconha, um quilo de crack, 17 mil embalagens plásticas, um adaptador para pistola e quatro balanças. O material foi apresentado na 22ª Delegacia Territorial (DT) de Simões Filho.

Amazonas começa a transferir mais de 230 pacientes com Covid para outros estados

Share Button

Por G1 AM

Foto: FAB/Reprodução

Foto: FAB/Reprodução

Os 235 pacientes de Manaus que deverão ser transferidos para hospitais de outros estados começaram a ser levados em voos da Força Aérea Brasileira (FAB) na manhã desta sexta-feira (15). O Ministério da Defesa informou que há voos programados ainda hoje para Maranhão, Piauí, Rio Grande do Norte e Paraíba. Hospitais de Goiás, Pernambuco, Ceará e Distrito Federal também deverão receber pacientes. As transferências ocorrem em meio ao colapso do sistema de saúde amazonense, após recorde das internações por Covid-19 e com uma nova variante do coronavírus circulando no estado. Hospitais do estado ficaram sem oxigênios para pacientes. Cemitérios estão lotados e instalaram câmaras frigoríficas. De acordo com o Ministério da Saúde, as transferências dos pacientes do Manaus ocorrerão por via aérea, com duas aeronaves da FAB, e já estão garantidos de imediato 149 leitos. São 40 em São Luís (MA), 30 em Teresina (PI), 15 em João Pessoa (PB), 10 em Natal (RN), 20 em Goiânia (GO), 4 em Fortaleza (CE), 10 em Recife (PE) e 20 no Distrito Federal. No início da manhã desta sexta, nove pacientes embarcaram no primeiro voo da FAB, que partiu da Base Aérea de Manaus para Teresina. Os governos federal e do estado não detalharam quantos serão os voos para transferir os pacientes e nem quantos dias esta operação deverá durar.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia