WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Home . Inicio



rios

rios

drogaria_santana


:: ‘Destaque2’

Dr. Rey visita Bolsonaro para se candidatar ao Ministério da Saúde, mas não é recebido

Share Button
Foto: Reprodução/Twitter

Foto: Reprodução/Twitter

O cirurgião plástico Robert Rey, conhecido como Dr. Rey, foi até a condomínio do presidente eleito Jair Bolsonaro, na manhã desta sexta-feira (9), para se candidatar ao cargo de ministro da Saúde. Em entrevista à imprensa, ele afirmou ter tido uma conversa positiva com Bolsonaro. No entanto, segundo o jornal Extra, Dr. Rey não foi autorizado a entrar no condomínio. “Tá marcado [de o presidente me receber]. Pode ser que eu leve uma porta na cara, mas éramos do mesmo partido [PSC] e quero ser considerado pro Ministério da Saúde. Quero trazer a saúde dos EUA pro Brasil. Precisamos de um país que fale inglês e não ‘ingrês'”, disse o cirurgião. Ainda segundo a reportagem, Dr. Rey saiu do condomínio pouco menos de 30 minutos após sua entrada. Não se sabe se ele se encontrou ou não com o presidente eleito. Na agenda de Bolsonaro, não havia nenhum compromisso com o cirurgião.

Mulher denuncia extorsão e agiota é preso; vítima pagou 275% do valor da dívida

Share Button

Por TV Oeste

Foto: Marcos Santos/USP Imagens/Ilustração

Foto: Marcos Santos/USP Imagens/Ilustração

Um homem foi preso em Barra, cidade do oeste da Bahia, após ser denunciado por agiotagem. De acordo com a Polícia Civil, uma das vítimas que pegou um empréstimo com o suspeito o denunciou na delegacia da cidade, na quinta-feira (8), mesmo dia da prisão. A polícia informou que o agiota coagia e extorquia as pessoas. A vítima que o denunciou pegou R$ 1.200 emprestado com ele e já havia pago R$ 4.500, um valor 275% a mais do que o inicial. Segundo a polícia, o que motivou a mulher fazer a denúncia foi que o suspeito coagiu a vítima para que ela pagasse mais R$ 600. Após denúncia da vítima, a polícia iniciou as investigações e fez a prisão em flagrante. Na ocasião, a polícia descobriu que o suspeito praticava agiotagem, inclusive, com outras vítimas. Na residência dele foram encontrados cartões de outras pessoas que, segundo a vítima, era a forma que ele havia escolhido para ter uma garantia do pagamento do débito. Segundo a polícia, outras vítimas do agiota foram identificadas e informaram que, ao fazer o empréstimo, ele cobrava uma taxa de 25% ao mês. Ainda segundo as vítimas, caso os pagamentos não ocorressem no dia e data designados por ele, o suspeito ameaçava e coagia as devedoras. Conforme apontam as investigações, as ações do suspeito para receber os juros e o valor da dívida eram tão graves que ele provocava temor nas vítimas.

Sergipe e Bahia: 20 pessoas são presas e quatro são mortas em operação policial contra tráfico de drogas

Share Button

Por G1 SE

Operação policial prende suspeitos de envolvimento com tráfico de drogas | Foto: SSP/SE/Divulgação

Operação policial prende suspeitos de envolvimento com tráfico de drogas | Foto: SSP/SE/Divulgação

Pelo menos 20 pessoas haviam sido presas e quatro haviam sido mortas em confronto com a polícia, até as 8h40 desta sexta-feira (9), em uma operação policial contra o tráfico de drogas. Segundo informações da Secretaria de Segurança Pública de Sergipe (SSP/SE), a operação busca cumprir mais de 30 mandados de busca e apreensão e mais de 20 mandados de prisão em cidades de Sergipe e da Bahia. Em Sergipe, os mandados deverão ser cumpridos nas cidades de Nossa Senhora da Glória, Feira Nova, Monte Alegre, Canindé do São Francisco, Poço Redondo e Porto da Folha. Na Bahia, na cidade de Paulo Afonso. A ação é coordenada pelo delegado Jorge Eduardo dos Santos Filho, da Delegacia Regional de Nossa Senhora da Glória, e conta com o trabalho integrado de 250 policiais civis e militares, envolvendo diversas unidades operacionais das polícias.

PF prende vice-governador de MG, Joesley Batista e Ricardo Saud por esquema de propina no Ministério da Agricultura

Share Button

Por TV Globo

Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil/Arquivo

Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil/Arquivo

O vice-governador de Minas Gerais, Antonio Andrade (MDB), os executivos da JBS Joesley Batista, Ricardo Saud e Demilton de Castro foram presos nesta sexta-feira (9) em uma operação que investiga suposto esquema de corrupção no Ministério da Agricultura durante o governo da presidente Dilma Rousseff (PT). Os 19 mandados de prisão temporária e 63 de busca e apreensão são cumpridos no Distrito Federal e em Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro, Paraíba e Mato Grosso. Também foram presos o deputado estadual João Magalhães (MDB) e o deputado federal eleito Neri Geller (PP-MT), que foi ministro da Agricultura de março a dezembro de 2014, durante o mandato da presidente Dilma Rousseff (PT). A PF faz buscas no gabinete do vice-governador de MG, que também chefiou a Agricultura de março de 2013 a março de 2014. Ele foi preso em uma fazenda em Vazante, no Noroeste de Minas Gerais. Os mandados foram expedidos pelo Tribunal Regional Federal da 1ª Região. O advogado de Joesley, Pierpaolo Bottini, disse não conhecer os fundamentos da prisão e que não iria se manifestar por enquanto. Batizada de Capitu, a operação é um desdobramento da Lava Jato e feita em conjunto com a Receita Federal. A operação é baseada na delação do doleiro Lúcio Funaro, apontado como operador do MDB. Segundo as investigações, havia um esquema de arrecadação de propina dentro do Ministério da Agricultura para beneficiar políticos do MDB, que recebiam dinheiro da JBS, que pertencem aos irmãos Joesley e Wesley Batista, em troca de medidas para beneficiar as empresas do grupo. Ainda de acordo com as investigações, empresas doavam dinheiro para políticos e partidos. Duas grandes redes varejistas de Minas Gerais atuavam no esquema, por meio de seus controladores e diretores.

Boletos vencidos de todos os tipos podem ser pagos em qualquer banco a partir de sábado

Share Button
Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Boletos vencidos poderão ser pagos em qualquer banco ou correspondente e não apenas na instituição financeira em que foram emitidos a partir deste sábado (10). De acordo com o Bahia Notícias, essa foi a última etapa da implantação da Nova Plataforma de Cobrança (NPC), sistema desenvolvido pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban) em parceria com os bancos, que começou a ser implementado há quatro anos. No sábado, uma outra mudança também passa a valer.  Os comprovantes de pagamentos serão mais completos, constarão informações como juros, multa e desconto, além das informações do beneficiário e pagador.

Devido a cirurgia, TSE vai antecipar diplomação de Bolsonaro

Share Button

Por Folhapress

Foto: Alan Santos/PR

Foto: Alan Santos/PR

A presidente do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), ministra Rosa Weber, informou nesta quarta (7) que a diplomação do presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), deverá ser no dia 10 ou 11 de dezembro, conforme escolha dele. Inicialmente, o TSE previa diplomar o presidente eleito em 19 de dezembro -último dia para a realização de diplomações, segundo o calendário eleitoral. No entanto, há previsão de que Bolsonaro passe por uma cirurgia a partir do dia 12 de dezembro para a retirada da bolsa de colostomia que vem usando em decorrência da facada que levou em setembro. Segundo Rosa, o TSE deverá antecipar o julgamento das contas da campanha de Bolsonaro, que precisa ser concluído antes da diplomação. A data final para a corte analisar as contas dos candidatos eleitos, pelo calendário eleitoral, é 15 de dezembro. A cirurgia de dezembro será a terceira a que Bolsonaro será submetido desde que sofreu um ataque a faca durante um ato de campanha em Juiz de Fora (MG), em 6 de setembro. O autor da facada, Adelio Bispo de Oliveira, está preso em um presídio federal em Campo Grande (MS) e foi denunciado no início de outubro pelo Ministério Público Federal sob acusação de crime contra a segurança nacional. O procedimento para retirar a bolsa de colostomia deverá ser realizado no hospital Albert Einstein, em São Paulo, para onde Bolsonaro foi transferido depois de receber cuidados em Juiz de Fora.

Grupo é preso com 16 mil litros de combustível clandestino e produtos químicos na Bahia

Share Button
Foto: Divulgação/SSP-BA

Foto: Divulgação/SSP-BA

Dezesseis mil litros de combustível e produtos químicos foram apreendidos na manhã desta quarta-feira (7), durante ação realizada por guarnições da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe) Polo Industrial, no município de Candeias, região metropolitana de Salvador. Quatro homens foram presos em flagrante. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA), informações anônimas levaram os policiais até o bairro de Caroba, nas proximidades de uma fábrica em que funcionavam o depósito e a distribuidora clandestina e onde o material era adulterado e vendido ilegalmente. Foram apreendidos 1.000 litros de gasolina, 2.400 de diesel, 2.500 de querosene, 800 de álcool, 1.200 de estireno, 1.000 de acetona, 2.800 de parafina, 4.300 de parafinado, um caminhão-pipa e R$ 830. Conforme a SSP, os homens presos foram identificados como Cláudio Rosário dos Santos, de 35 anos, Pedro Ernesto Rodrigues dos Santos, 61, Pedro Apóstolo Santana, 50, e Carlos de Oliveira de Melo, motorista de uma transportadora. Eles foram encaminhados para a sede da Delegacia Territorial de Candeias e vão responder por furto qualificado, sonegação fiscal, formação de quadrilha e crime ambiental, informou a Secretaria de Segurança.

Notícias de Santaluz

De surpresa, presidente do Senado coloca em pauta aumento para ministros do STF

Share Button
Foto: Marcos Brandão/Senado Federal

Foto: Marcos Brandão/Senado Federal

O Senado Federal vai votar, nesta quarta-feira (7), projetos de lei que aumentam o salário dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) de R$ 33 mil para R$ 39 mil. Essa mesma quantia seria definida para o cargo de procurador-geral da República. Já aprovada na Câmara dos Deputados, a proposta estava parada na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado desde 2016. Até que na noite dessa terça (6), o presidente Casa, senador Eunício Oliveira (MDB-CE), colocou um requerimento em votação pedindo a inclusão dos projetos na pauta. Segundo informações da coluna de Mônica Bergamo, na Folha de S. Paulo, a atitude contrariou vários senadores. “Em oito ano que estou no Senado, nunca vi nada parecido: um presidente avocar uma matéria para ir ao plenário sem conversar com a comissão em que ela tramita”, afirmou o senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES), que foi relator da matéria na CAE. Para ele, com previsão de impacto de R$ 6 bilhões por ano, isso é o que seria a primeira-pauta bomba armada para o governo de Jair Bolsonaro (PSL). Na avaliação do parlamentar, conceder o aumento é “uma total irresponsabilidade no momento de crise que atravessamos nas finanças públicas. Como estados quebrados, como Minas Gerais, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul, vão fazer frente a esses reajustes, que certamente virão?”, questionou. Além de refletir nos salários dos ministros, os reajustes podem levar a um aumento cascata para juízes, procuradores, promotores e parlamentares de todo o Brasil.

Jovem que cuidava de homem com transtornos mentais na Bahia é morto pelo cliente

Share Button

Por G1 BA

Bruno Gama foi morto a pauladas em Itanhém, no extremo sul da Bahia | Foto: Reprodução/Redes Sociais

Bruno Gama foi morto a pauladas em Itanhém, no extremo sul da Bahia | Foto: Reprodução/Redes Sociais

Um jovem de 19 anos, que cuidava de um homem com transtornos mentais, foi morto a pauladas enquanto dormia, após o próprio cliente sofrer um surto na madrugada desta terça-feira (6), na cidade de Itanhém, extremo sul da Bahia. Conforme a Polícia Civil, a vítima identificada como Bruno Santos Gama morava com Ramon Santos Porto, de 30 anos, a pedido de familiares do autor do crime. Em depoimento, o suspeito informou que estava dormindo, quando ouviu uma voz que mandava matar Bruno a pauladas. Segundo informações da polícia, Ramon Porto fugiu logo após o crime, mas foi alcançado em cima de uma laje, que fica em uma casa próxima do local do crime. Ele ainda estava com o pedaço de madeira utilizado para matar Bruno. A Polícia Civil informou que Ramon Porto tentou agredir os policiais da 44ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Medeiros Neto). No momento em que um dos soldados, identificado pelo prenome Alan, tentava imobilizar o suspeito, os dois caíram da laje e o policial sofreu uma fratura na clavícula, em decorrência da queda. Ainda de acordo com a polícia, o soldado Alan foi socorrido para o Hospital Municipal de Teixeira de Freitas, onde passará por um procedimento cirúrgico. Já Ramon Porto não ficou ferido e foi levado para a 8ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Teixeira de Freitas), onde aguarda a audiência de custódia.

Paraná Pesquisas: 82,6% dos brasileiros acham que Bolsonaro acertou ao escolher Moro

Share Button
O juiz Sérgio Moro, ao deixar a casa do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL), no Rio de Janeiro | Foto: Henrique Coellho/G1

O juiz Sérgio Moro, ao deixar a casa do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL), no Rio de Janeiro | Foto: Henrique Coellho/G1

A Paraná Pesquisas divulgou um levantamento sobre a percepção do brasileiro quanto a nomeação do juiz Sérgio Moro para o Ministério da Justiça. De acordo com a amostra, 82,6% dos brasileiros acreditam que o presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) acertou ao convidar o magistrado para o governo. Já 14,6% disseram que o capitão da reserva errou no convite. 2,8% preferiram não opinar ou não souberam. A pesquisa atinge um grau de confiança de 95,0% para uma margem estimada de erro de aproximadamente 2,0% para os resultados gerais. Segundo o Bahia Notícias, foram entrevistados 2.020 brasileiros em 174 municípios de 26 Estados mais Distrito Federal, entre os dias 3 e 5 de novembro.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia