WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Home . Inicio


:: ‘Destaque3’

Santaluz: Del Led e Toke Love animam o ‘Forró dos Namorados’; festa é gratuita

Share Button
Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

‘Formação de preços de combustíveis no país continuará livre’, diz ANP

Share Button
Foto: Rafael Neddermeyer

Foto: Rafael Neddermeyer

O diretor-geral da ANP, Décio Oddone, aproveitou a presença das maiores petroleiras do mundo no leilão do pré-sal nesta quinta-feira (7), para afirmar, em nome da agência, que “não há nenhuma postura intervencionista” no mercado de óleo e gás do Brasil. De acordo com o G1, os comentários foram feitos em meio à polêmica em torno da política de reajuste de preços da Petrobras e após a ANP ter decidido abrir umaconsulta pública para discutir a periodicidade do repasse dos reajustes dos preços dos combustíveis. “Ninguém pensa em intervir e nem intervirá em nada. A formação de preços no país é livre e continuará livre”, disse Oddone. Segundo ele, o que se procura com a consulta é abrir um “espaço de diálogo” e não um controle de preços.

Governo reduz previsão e passa a estimar salário mínimo abaixo de R$ 1 mil em 2019

Share Button

Por G1 Brasília

Foto: Marcos Santos/USP Imagens

Foto: Marcos Santos/USP Imagens

O governo revisou sua estimativa para o salário mínimo em 2019 de R$ 1.002,que havia sido feita em abril deste ano, para R$ 998. A nova previsão consta em nota técnica do Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias do próximo ano, divulgada pela Comissão Mista de Orçamento. Atualmente, o salário mínimo, que serve de referência para cerca de 45 milhões de pessoas, está em R$ 954. Com isso, o aumento previsto para o próximo ano passou a ser de R$ 44. Com a nova previsão, o governo estima que vai deixar de gastar R$ 1,21 bilhão em 2019. Isso porque, para cada R$ 1 de aumento, há o impacto de R$ 303,9 milhões em despesas, sendo R$ 243 milhões apenas nos gastos do INSS (previdência do setor privado). Para o mínimo de 2019, portanto, a fórmula determina a soma do resultado do PIB de 2017 (alta de 1%) e o INPC de 2018. Como só será possível saber no início do ano que vem a variação do INPC de 2018, o governo usa uma previsão para propor o aumento. 

Acidentes nas rodovias estaduais da BA têm redução de 44,8% no feriado de Corpus Christi

Share Button
Foto: Alberto Maraux/GOVBA

Foto: Alberto Maraux/GOVBA

A Polícia Militar da Bahia, por meio do Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv) e das Companhias Independentes de Policiamento Rodoviário, concluiu, na manhã desta segunda-feira (4) a Operação Corpus Christi, com a redução de 44,8% nas rodovias estaduais em comparação com o mesmo período do ano passado. Em 2018 aconteceram 13 acidentes, que envolveram uma vítima fatal (-33%), duas com ferimentos graves (-50%) e quatro leves (-36%). De acordo com informações da Secretaria de Segurança Pública do estado, a PM abordou 1.516 veículos e 3.135 pessoas e, dentre os automóveis vistoriados, foram extraídos 242 autos de infração e feitas 948 autuações por excesso de velocidade com a utilização dos radares. Também houve o recolhimento de sete Carteiras Nacionais de Habilitação (CNH) e de dois Certificados de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV). “Em razão do menor fluxo de veículos nas estradas, no feriado de Corpus Christi deste ano, ocorreu uma redução do número de acidentes e de vítimas”, destacou o coronel Sérgio Freire, comandante do BPRv, esclarecendo, entretanto, que “isso não minimiza o empenho das nossas unidades de policiamento rodoviário em todo o estado”.

Notícias de Santaluz

Presidente da Síria quer visitar Kim Jong-un na Coreia do Norte, diz agência

Share Button

Por Deutsche Welle

Líder norte-coreano, Kim Jong-un, e o chanceler russo, Sergei Lavrov, em encontro em Pyongyang no dia 31 de maio (Foto: Valery Sharifulin/TASS News Agency Pool Photo via AP)

Kim Jong-un e o chanceler russo, Sergei Lavrov, em encontro em Pyongyang no dia 31 de maio | Foto: Valery Sharifulin/TASS News Agency Pool Photo via AP

O presidente da Síria, Bashar al-Assad, quer visitar o líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, em Pyongyang, informou neste domingo (3) a agência estatal norte-coreana KCNA. “Meu desejo é viajar para a Coreia do Norte e me reunir com Kim Jong-un no futuro”, disse Assad a Mun, segundo a KCNA. Não foram divulgados detalhes de quando esse hipotético encontro ocorreria. Caso realmente ocorra, esta seria a primeira vez que Kim recebe um presidente na Coreia do Norte. Após a guinada diplomática dos últimos meses, o líder norte-coreano, que não tinha se reunido com nenhum líder estrangeiro em seus mais de seis anos no poder, realizou duas cúpulas com o presidente da China, Xi Jinping, e se encontrou outras duas vezes com o presidente da Coreia do Sul, Moon Jae-in. Além disso, Kim deve se encontrar com o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, no próximo dia 12, em Cingapura. “O mundo saúda este notável acontecimento na península coreana”, disse Assad sobre o encontro, de acordo com a KCNA. Conforme a agência, o presidente sírio disse estar seguro de que Kim poderá chegar à “vitória final e conseguir a reunificação coreana”. O regime de Pyongyang mantém uma relação muito próxima com a Síria. Ambos os governos são acusados por investigadores da ONU de cooperar em um programa de armas químicas.

Governo reajusta Bolsa Família em 5,67%

Share Button

Por Agência Brasil

Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

O governo federal reajustou nesta sexta-feira (1) o valor do benefício do Bolsa Família. A medida já havia sido anunciada pelo presidente Michel Temer em abril. De acordo com o Ministério do Desenvolvimento Social (MDS), o reajuste é de 5,67% no valor do benefício médio. Com a alteração, o valor passará de R$ 177,71 para uma quantia estimada em R$ 187,79. O decreto foi publicado no Diário Oficial da União desta sexta-feira. O reajuste autorizado para o programa é maior que a inflação acumulada de julho de 2016 a março de 2018, que foi 4,01%. Segundo o governo, a suplementação orçamentária para este ano, para cumprir o reajuste, será de R$ 684 milhões.

Mulher encontra no celular do marido fotos das filhas de 9 e 10 anos sendo estupradas

Share Button

Por G1 Santos

Caso foi registrado na Delegacia Sede de Pariquera-Açu, no Vale do Ribeira | Foto: Reprodução/Google

Caso foi registrado na Delegacia Sede de Pariquera-Açu, no Vale do Ribeira | Foto: Reprodução/Google

Um pedreiro de 43 anos foi preso em flagrante por ser suspeito de estuprar as duas enteadas, uma de 9 e outra de 10 anos, dentro de casa, em Pariquera-Açu, cidade do Vale do Ribeira, interior de São Paulo. O crime foi denunciado pela mãe das menores, que encontrou, no celular do companheiro, duas imagens de cunho pornográfico, em que tanto as filhas quanto o homem apareciam. A denúncia foi feita na noite de terça-feira (29). Segundo a polícia, as imagens encontradas no celular não deixam dúvidas quanto às acusações. De acordo com informações apuradas pelo G1, o homem aproveitava enquanto as meninas estavam dormindo para praticar os abusos e, ao mesmo tempo, registrar fotos da situação. Ainda de acordo com a polícia, no mesmo dia em que as fotos foram encontradas, segundo o relato da mãe aos policiais, uma das crianças relatou que, após sair da escola, o padrasto teria passado as mãos em seus órgãos genitais por cima da roupa. Os PMs encaminharam as crianças, a mãe e o homem para a Delegacia Sede do município. Lá, tudo foi relatado ao delegado de plantão, Fábio Américo Maia, que prendeu o homem em flagrante pelo crime de estupro de vulnerável. Além disso, o pedreiro também responderá por infringir dois artigos do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA): o de armazenar fotografias pornográficas de menores, e de acariciar os órgãos de uma delas. Todos os crimes são inafiançáveis. O homem foi levado para a Cadeia Pública de Jacupiranga, cidade vizinha, também no Vale do Ribeira. Já as crianças foram encaminhadas ao Instituto Médico Legal (IML), onde passaram por exame de corpo de delito.

Suspeito de tráfico é preso na Bahia com espada usada para ‘amedrontar’ usuários de drogas devedores e matar rivais

Share Button

Por G1 BA

Foto: Divulgação/SSP-BA

Foto: Divulgação/SSP-BA

Um homem de 27 anos suspeito de envolvimento com o tráfico de drogas foi preso nesta quinta-feira (31), em Salvador, com uma espada que, segundo a polícia, era usada para “amedrontar” usuários de drogas devedores e matar traficantes rivais. Nahianderson Paixão do Santos, conhecido como ‘Nai’, foi localizado no bairro do Cabula, em uma localidade conhecida como Timbalada. Ele estava com dois mandados de prisão em aberto. A Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA) diz que ele lidera uma quadrilha que atua no bairro da Engomadeira e região. Além da espada, a polícia disse ter encontrado com o suspeito porções de maconha e cocaína, além de balanças e materiais para embalar drogas. O comandante do Policiamento na Região Integrada de Segurança Pública (Risp) Central, coronel Anildo Rocha, diz que a polícia tenta, agora, localizar comparsas do suspeito preso.

Acordo com a Coreia do Norte não será feito a curto prazo, avalia Trump

Share Button
Foto: Andrea Hanks / White House Photo

Foto: Andrea Hanks / White House Photo

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, acredita que um acordo de desnuclearização com a Coreia do Norte não deve ser feito a curto prazo. Em entrevista à agência Reuters, ele avaliou que não é possível chegar a um entendimento após somente um encontro entre as partes. “Eu gostaria de resolver isso em um encontro, mas geralmente não é assim que os acordos funcionam. Existem grandes chances que ele não seja feito em uma ou duas reuniões. Mas ele será feito em algum momento”, comentou Trump. Nesta quarta-feira (30), o secretário de Estado americano, Mike Pompeo, se encontrou com Kim Yong-chol, alto funcionário da Coreia do Norte. Segundo Trump, as negociações foram positivas. Ainda em entrevista à Reuters, o presidente dos EUA disse também esperar realizar o encontro com o o líder norte-coreano Kim Jong-un em 12 de junho, na Cingapura.

Brasileiros apoiam caminhoneiros e rejeitam aumento de impostos, aponta Datafolha

Share Button
Foto: Mariana Gouveia/TV Fronteira

Foto: Mariana Gouveia/TV Fronteira

O Datafolha divulgou uma pesquisa nesta quarta-feira (30) que aponta que 87% dos brasileiros apoiam a paralisação dos caminhoneiros e rejeitam cortes no orçamento ou aumento do imposto para atender às reivindicações da categoria. Apenas 10% aprovaram o aumento de impostos e o corte dos gastos federais, dentro de uma paleta bastante variada de opões. Do total de 1,5 mil pessoas ouvidas pelo Instituto, apenas 10% são contra a paralisação dos caminhoneiros, 2% são indiferentes e 1% não soube opinar. De acordo com o G1, 56% acreditam que a greve deve continuar, enquanto 42% defendem seu fim. A pesquisa foi realizada nesta terça-feira (29) através de telefone, no dia em que os bloqueios diminuíram e parte dos caminhões passaram a circular no país. A margem de erro do levantamento é de três pontos para mais ou para menos.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia